21 janeiro 2021

Parque Guinle: lazer e paz no Rio de Janeiro

Parque Guinle: lazer e paz no Rio de Janeiro

Por incrível que pareça, eu nunca havia passeado pelo Parque Guinle - digo passear mesmo, porque já passei por lá em outras ocasiões (eu tive um aluno particular que morava em um dos prédios do conjunto dali - sim, eu já dei aula particular para muitos alunos rsrs). 


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Mas passar umas horas curtindo o espaço, observando seus cantinhos, caminhando por suas trilhas... isso foi novidade para mim e confesso que, como efeito positivo da pandemia, a busca por lugares a céu aberto, com natureza e um pouco de segurança me fez redescobrir esse espaço tão gostoso e agradável para curtir uma manhã, um fim de tarde, fazer um pique-nique, levar crianças (para quem tiver)... é uma ótima opção de lazer para os dias atuais.


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Localizado no bairro das Laranjeiras, a área do parque constituía os jardins do palacete de Eduardo Guinle, erguido na década de 1920, projetados pelo paisagista francês Gérard Cochet. Atualmente, a Mansão dos Guinle é conhecida como o Palácio das Laranjeiras.


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Tal como se encontra nos dias atuais, o Conjunto Residencial do Parque Guinle faz parte da Área de Proteção Ambiental São José. Foi projetado pelo arquiteto e urbanista Lúcio Costa (o mesmo que, juntamente com Oscar Niemeyer, foram responsáveis pela construção de Brasília), tendo sido construído entre os anos de 1948 e 1954, sendo o primeiro conjunto de edifícios residenciais direcionado para a elite carioca, ocasião em que os jardins passaram por algumas intervenções pontuais feitas por Roberto Burle Marx, guardando nítidos traços modernistas. Todo o conjunto foi premiado na I Bienal de Artes de São Paulo, em 1951 e encontram-se tombados pelo IPHAN desde 1986.


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


E quando digo que se trata de um lugar tranquilo e seguro, capaz de você indagar: lugar seguro no Rio de Janeiro? Tá doida! Então, eu juro que não estou, mas há uma razão para isso: fazendo limite, lá no alto, com o Parque Guinle, encontra-se o Palácio das Laranjeiras, que nada mais é do que a residência oficial do Governador do Estado.


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Como se isso não fosse suficiente para que essa região recebesse uma atenção maior em matéria de segurança, ali pertinho também se encontra a sede do BOPE - Batalhão de Operações Policiais Especiais (quem aí se lembra do Filme "Tropa de Elite", hein?), ou seja... acho que dá para dizer que o Parque Guinle, além de reunir como características ser um lugar aberto, com natureza, bela arquitetura do conjunto de edifícios, também é um lugar seguro. 


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Logo na entrada, você encontrará um parquinho bem bonitinho, com vários brinquedos para os pequenos. Com relação aos cuidados para diminuição do contágio do Covid, sugiro que leve as crianças de manhã cedo, quando deve ter menos gente ou então que leve seus lenços desinfetantes porque, das vezes que fui, não vi nenhum tipo de limpeza sendo feita dos brinquedos. Vai realmente de cada um limpar os brinquedos para seus filhos.


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Em seguida, já nos deparamos com um belo lago onde sempre podemos contemplar o balé dos cisnes e o vai e vem dos patinhos que residem no parque. Eu acho sempre muito fofo!


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


 Da primeira vez que fomos, no mês de outubro, ainda era primavera e havia vários filhotes de patinhos andando e nadando por lá, super lindinhos!


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Para os dois lados, você encontrará gramados. Do lado direito, um gramado mais íngreme. Do lado esquerdo, um gramado mais plano. 


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Os dois são boas opções para estender a canga ou a esteira e sentar para ler um livro, para encontrar amigos, para um piquenique... mas, se a ideia for comer ou beber algo, acho melhor o gramado do lado esquerdo, que é mais plano.


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


  • Dica: como um parque cercado de muita natureza, há muitos insetos também. Leve seu repelente e algo, se tiver, para formigas também. 


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro

Caminhando mais adiante, você poderá seguir por alguns dos caminhos que se abrem e todos levam até o topo do parque, passando uma academia ao ar livre, pontes, bancos, laguinhos, quedinhas de água... tudo muito bonito, bem cuidado e harmonioso com a natureza.


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Realmente, todo o projeto do parque é belíssimo e encantador! Como demorei tantos anos para explorar com calma este espaço? 


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Chegando lá no topo, olhando para o lado esquerdo, você verá a entrada para o Palácio das Laranjeiras, devidamente bem guardado por policiais. 


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Dedique pelo menos 2 horas para curtir com calma o parque e aproveite para levar um bom livro ou um bom vinho, sua canga/esteira e lembre de não alimentar os patinhos por lá e de carregar seu lixo embora com você.


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Se quiser esticar a experiência, um pouco mais à frente, na própria Rua Gago Coutinho, você encontrará o Restobar Villa 25. 


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro

Entramos para conhecer porque ficamos curiosos, mas não ficamos para fazer pedidos. O ambiente é bem arejado, com parte aberta, pareceu-me bastante aconchegante e charmoso para um lanche, um café e ficamos com vontade de voltar lá para conhecer melhor. 


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


Como também dá para esticar um cadinho mais, nem 5 minutos de caminhada, e chegará à Praça do Largo do Machado, com outras opções de restaurantes e bares, onde a gente indica o Café Le Dépanneur.


Blog Apaixonados por Viagens - Parque Guinle - O que fazer no Rio de Janeiro


  • Endereço: R. Paulo César de Andrade, com entrada pela Rua Gago Coutinho - Laranjeiras - Acesso fácil pelo Metrô Estação Largo do Machado.
  • Estacionamento: na frente do parquinho há algumas vagas e ruas próximas também.
  • Banheiro: não vi. Isso é um probleminha rsrs... mas, se você quiser esticar a sua visita, ali pertinho, na Rua Gago Goutinho, você encontrará o Restobar Villa 25, que me pareceu bem bonitinho e onde você poderá fazer uma refeição, tomar um café e usar o banheiro, se precisar. O Restobar pertence ao Villa 25 Hostel & Suítes
  • Horário de Funcionamento: todos os dias, 24 horas. 


  1. Muito bom. Adoro o Parque Guinle. Realmente é um recanto muito agradável e que vale a pena ser visitado.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É um cantinho muito especial mesmo. Um verdadeiro refúgio

      Excluir

Botão do Whatsapp só funciona no celular

Digite o que procura e tecle "enter" para buscar