segunda-feira, 23 de maio de 2016

Tour Gastronômico em Santa Teresa: Tribas Pizzas Saudáveis

No último final de semana, nós fizemos uma verdadeira incursão - ou excursão rsrs - gastronômica no tradicional e histórico bairro de Santa Teresa, na cidade do Rio de Janeiro. Já há alguns anos que o bairro vem sendo relacionado a bons restaurantes e como ótima pedida para passeios turísticos àqueles que curtem um pouco de história, que apreciam fachadas tombadas pelo Patrimônio Histórico e uma arquitetura que nos remete ao período mais colonial da cidade e também imperial, quando Rio de Janeiro era capital, repleto de charme, com ruas de paralelepípedo, casarões, castelinhos, diversos mirantes para a cidade e muita nostalgia de um Rio de Janeiro deslumbrante, lindo e mais seguro. 



Santa Teresa também reúne algumas atrações turísticas bem interessantes, como o Parque das Ruínas, onde já estivemos (confira aqui a matéria completa), Museu da Chácara do Céu, a Escadaria Selarón (veja aqui a matéria completa), Mirante Dona Marta (leia aqui a matéria completa), além do próprio Bondinho de Santa Teresa, uma verdadeira instituição da cidade, que ficou alguns anos sem operar o seu trajeto mais clássico, que vai do Largo da Carioca ao Largo dos Guimarães, passando pelo Largo do Curvelo e por cima dos Arcos da Lapa (o bondinho voltou a funcionar de segunda à sábado, das 11h às 16h, com três paradas - Largo da Carioca, Largo do Curvelo e Largo dos Guimarães - e entrada gratuita). 

Ou seja, um passeio em Santa Teresa com certeza renderá belas imagens das paisagens que cercam o bairro e pode também ser uma excelente oportunidade de conhecer ótimos restaurantes, com uma pegada mais despojada, mais alegre, que combina bastante com essa vibe do bairro que atrai tantos artistas e gringos que vão  morar nele. Dessa forma, como ficamos hospedados em Santa Teresa no último final de semana, resolvemos também explorar mais esse lado gastronômico do bairro que sempre me atraiu bastante e, por estarmos a menos de 10 minutos a pé do Largo dos Guimarães, pudemos aproveitar bastante e conhecer lugares novos.




Um desses lugares foi o Tribas Pizzas Saudáveis! Agora pense num gaúcho, surfista, músico, que morou mais de 15 anos em Florianópolis, onde criou a marca, na Praia do Santinho e deixou muitos órfãos por lá, veio para o Rio de Janeiro e se há 2 anos se estabeleceu em Santa Teresa? Esse é o Chef Triba, pizzero, como prefere ser chamado, que trouxe para a Cidade Maravilhosa a sua ideia de pizzaria totalmente voltada para uma proposta mais saudável! 


Você poderia pensar que esses ingredientes não dariam certo, não é mesmo? Mas a verdade é que deu certo até demais! E foi assim que o Chef João Reys, graduado em gastronomia, e mais conhecido como Triba, veio para o Rio de Janeiro atrás de um outro sonho, que era o de se firmar também no cenário musical e artístico, sem estar longe do mar para surfar um pouco também.

Em Floripa, ele iniciou o seu trabalho, criou a sua marca - Tribas Pizzas - e ganhou prestígio e reconhecimento. Agora, no Rio de Janeiro, embora ele tenha vindo para investir na carreira musical, não conseguiu ficar longe do velho hábito de fazer pizzas e a fama logo correu dentre os conhecidos ao ponto de ele decidir abrir o Tribas Pizzas no Rio de Janeiro, para a nossa sorte!! Assim, juntamente com o Diego, seu sócio, Santa Teresa ganhou, em novembro de 2015, mais uma ótima opção para um jantar ou lanche bem bacana e com muita qualidade.


E nós fomos lá conferir tudo isso de perto, a convite da casa, que nos recebeu com muito carinho!

O conceito vendido pelo Tribas Pizzas é totalmente voltado para uma alimentação mais saudável, a começar pela massa da pizza, que é uma massa artesanal, integral, feita com batata doce e linhaça, muito leve e muito saudável, sem gordura, ovos nem açúcar e muito rica em fibras.

Um grande segredo que o Triba nos revelou é o tempo que ele deixa a massa "descansando", no processo de maturação, que leva de 24 a 48h, tempo que ele disse ser ideal para deixar a massa leve e não causar nas pessoas nenhuma má digestão, azia ou outro problema. Deixando a massa esse tempo todo antes de assar, ele garante - e nós comprovamos - que a pizza fique mais leve. 


De fato, nós, que estávamos num intenso circuito gastronômico pelo bairro, numa comilança desenfreada kkkk... chegamos no Tribas Pizzas sem muita fome. Só que, por incrível que pareça, comemos sozinhos uma pizza salgada de 8 fatias, mais 2 fatias de uma pizza doce. Ou seja, pode ter sido só gula mesmo porque as pizzas estavam incrivelmente deliciosas, mas se essa questão da massa for verdadeira, deu certo para a gente!

A casa, em si, tem uma decoração simples e ainda carece de melhorias no acabamento. Eles começaram há poucos meses e ainda estão correndo atrás de alguns ajustes na organização do restaurante.

O salão é pequeno, mas ficava o tempo todo cheio e a rotatividade das pessoas impressionou a gente. Era um entra e sai de gente constante.



Abstraindo isso do espaço, que não é dos mais lindos de Santa Teresa, e focando na pizza, que é excepcional, e na música ao vivo, que, ao menos no último sábado, quando lá estivemos, estava fantástica, você com certeza terá um momento incrível lá no Tribas Pizzas.

Não deixe de observar também o forno a lenha que foi projetado pelo próprio Triba! Sim, ele mesmo fez, do jeito que queria, isso sem contar que ele começou fazendo as pizzas assadas em latões rsrs... super criativo! E ele ainda colocou um compartimento no forno para deixar a tábua que leva a pizza para as mesas dos clientes bem quente e, na hora de servir, essa tábua é a responsável por deixar a pizza aquecida por bastante tempo na mesa.


Aliás, criatividade não falta mesmo ao Triba, que é a alma da casa, e nos contou que muitas das pizzas que ele elabora vem de uma inspiração inusitada como, por exemplo, estar pedalando à noite e vendo uma lua cheia gigante nascer... pronto: surgiu a pizza Lua Cheia, com batata baroa, gorgonzola, alho, gengibre e gersol!


E você sabe o porquê do nome Tribas? Homenagem ao pizzaiolo da casa: João Triba, como já disse, é gaúcho e "Tri" e "Báh" são expressões bem comuns dentre os gaúchos... só faltou o "Tchê" rsrs... bem legal, não é?

Nós tivemos uma certa dificuldade em escolher a nossa pizza porque vários sabores pareciam muito interessantes. Pedimos uma meio a meio: metade Três Marias e metade Surpreenda-me, que é um sabor criado na hora pelo Triba, que não está no cardápio e que varia todo dia!


Gente, nós simplesmente amamos! 

A Três Marias é um mix de cogumelos, molho gorgonzola, geleia de pimenta e gersol! Foi a nossa preferida, mas disputa foi acirrada... sabor incrível, pizza leve e muito gostosa, com a vantagem de ter uma massa sem glúten!


Já a Surpreenda-Me, criada na hora pelo Triba, foi de requeijão da casa, cogumelo paris e cebola roxa, muuuuito gostosa também!

O molho de tomates frescos é produzido na casa, o catchup é feito de beterraba e a mostarda de chuchu, com sabores bem marcantes, diferentes, que já conquistaram os clientes. Eu, particularmente, não gosto de beterraba e, embora o catchup não tenha um sabor muito forte da beterraba, que fica mais disfarçada, eu não curti muito. Julio gostou bastante!


Acontece que a pizza estava tão boa, tão rica e diferente, que não precisava de nada além de azeite mesmo! 

Maravilhosa mesmo!! E o tamanho é perfeito para 2 ou 3 pessoas comerem. E nós tomamos duas caipirinhas para acompanhar o lanche. A minha foi de abacaxi com hortelã e estava uma delícia.


E não resistimos à pizza doce! Mas, para atolar um pouco menos o pé na jaca, pedimos somente duas fatias. Inclusive, o restaurante trabalha com fatias individuais ou a pizza inteira, com preços diferenciados.

A nossa pizza doce foi de Charge com Sorvete! Lembra do bombom/chocolate Charge? Agora leve isso para uma pizza? Já imaginou? Então veja aqui na foto: chocolate, doce de leite, amendoim e sorvete!!! 


Na boa, tem como ficar triste depois dessa pizza?? Impossível!! Eu estava em êxtase com tanta gostosura! kkkk... A pizza estava uma delícia, doce do jeito que eu gosto!

A casa também está lançando seus burgers, igualmente feitos com todo esse conceito de alimentação saudável, com um pão sem glúten, a carne é feita pelo próprio Chef Triba e os ingredientes são selecionados com muito cuidado e atenção na qualidade. Não experimentamos, mas já ficamos com vontade de voltar para provar os burgers também.


Foi uma experiência incrível no Tribas Pizzas, que oferece opções bacanas que agradam vegetarianos, veganos e carnívoros e nós esperamos que tenha vindo para o Rio de Janeiro para ficar, crescer e continuar fazendo muito sucesso!

Adoramos e indicamos!


Obs: O bairro de Santa Teresa, assim como praticamente todos os bairros do Rio de Janeiro, merece atenção e cuidado ao andar por lá. Nossas dicas são: não ande sozinho, especialmente à noite e em ruas desertas. Busque andar em grupos. Evite ruas vazias. Ande por onde você conhece ou tem certeza. Evite usar o celular na rua. Evite exibir objetos de grande valor. Na dúvida, vá de táxi/uber porque estacionar o carro por lá pode ser complicado. Ou vá de bondinho (das 11h às 16h, com saída no Largo da Carioca, que fica perto do metrô da Carioca).


** FICHA TÉCNICA DO TRIBAS PIZZAS **

- Endereço: Rua Almirante Alexandrino, 382 - Santa Teresa, Rio de Janeiro
- Instagram: https://www.instagram.com/tribaspizzas/
- Horário de Funcionamento: somente à noite, por enquanto, das 18:00 às 24:00 (de quarta a domingo - mas ligue antes para confirmar se estará aberto)
- Serviço de Delivery: Sim! Fazem entregas pelo bairro de Santa Teresa e bairros próximos, como Glória, Catete, Largo do Machado, Laranjeiras e Flamengo - valor da taxa de entrega de R$3,00 a R$5,00 - telefone: 21 3689-6609 e WhatsApp: 21 96572 4097
- Música ao Vivo: todos os dias e o couvert é pago opcionalmente



Nenhum comentário:

Postar um comentário