20 março 2020

Experiência completa na Vinícola Miolo: Vindima, Visita e Degustação

Experiência completa na Vinícola Miolo: Vindima, Visita e Degustação

Foi incrível voltar à Miolo após quase 12 anos! Isso mesmo, eu estive lá em um passeio turístico, com degustação, em 2008, e adorei revisitar a vinícola e conhecer melhor os seus vinhos.

Blog Apaixonados por Viagens - Serra Gaúcha - Vindima - Vinícola Miolo

Para quem pensa que a Serra Gaúcha é um destino para ser visitado somente nos meses de inverno, é porque certamente nunca sentiu a alegria, a energia, a emoção de vivenciar a Vindima!

Pois é justamente durante o verão, de meados de janeiro a março, que a paisagem se transforma, fica verde, colorida, parreirais repletos de uvas graúdas prontinhas para serem colhidas e transformadas em vinho!

Blog Apaixonados por Viagens - Serra Gaúcha - Vindima - Vinícola Miolo

É tempo de celebrar mais uma safra, torcer para que ela seja ainda melhor do que a do ano anterior e é quando as vinícolas abrem suas portas para receber os turistas que desejam ver tudo isso de perto e vivenciar um pouco dos costumes e práticas tradicionais da cultura do vinho, desde o corte dos cachos de uvas, participando também da pisa, que era a forma antiga de fabricar o vinho, literalmente pisando nas uvas (ainda bem que não é mais assim, né? kkk) e as já conhecidas e famosas visitas ao interior das vinícolas (veja também no blog Segredos de Viagem uma sugestão de roteiro pelo Vale dos Vinhedos), suas caves, locais de guarda e envelhecimento do vinho, com a possibilidade de fazer degustações em muitas delas, em aulas orientadas pelos enólogos ou sommeliers, ou também experimentar uma refeição harmonizada se a vinícola contar com restaurante em sua estrutura.

E lá fomos nós sentir toda essa emoção da Vindima na Vinícola Miolo

Vinícola Miolo


Do vinhedo à cantina, do varejo ao marketing, da degustação à área comercial, 23 enólogos atuam em diversas frentes no time da Miolo, que acumula a experiência de 30 safras!! Isso mesmo!! De gole em gole, a Miolo Wine Group chega aos 30 anos de vida como a vinícola brasileira com maior presença no mundo, exportando para mais de 30 países de todos os continentes. 

Blog Apaixonados por Viagens - Serra Gaúcha - Vindima - Vinícola Miolo

É o maior exportador de vinhos finos do Brasil. De 30 hectares em 1989, a Miolo cultiva hoje, 30 safras mais tarde, cerca de 950 hectares de vinhedos em quatro terroirs brasileiros: 

  • Vale dos Vinhedos (Serra Gaúcha), 
  • Seival/Candiota (Campanha Meridional), 
  • Almadén/Santana do Livramento (Campanha Central) e 
  • Terranova/Casa Nova (Vale do São Francisco)

É a única empresa do setor genuinamente brasileira com atuação em quatro diferentes regiões produtoras. Com uma produção anual de cerca de 10 milhões de litros, é a marca que detém o maior portfólio de rótulos verde amarelos, exibindo centenas de prêmios conquistados no mundo inteiro. 

O pioneirismo na elaboração dos vinhos se estendeu para o enoturismo, onde a marca gera experiência, aproximando e formando novos apreciadores da bebida. Assim é no Vale dos Vinhedos com o Wine Garden Miolo, assim é no Vale do São Francisco com o Vapor do Vinho pelo Velho Chico, onde a Miolo transformou o sertão em vinhedo. 

Blog Apaixonados por Viagens - Serra Gaúcha - Vindima - Vinícola Miolo

Este mesmo espírito empreendedor que fez da pequena vinícola familiar a maior produtora de vinhos finos do Brasil em apenas 30 safras, é que move gerações e aproxima quem sonha de quem quer fazer.

Blog Apaixonados por Viagens - Serra Gaúcha - Vindima - Vinícola Miolo

Fomos muito bem recebidos pelo enólogo Adriano Miolo, a pessoa à frente da gestão da empresa e que faz questão de acompanhar tudo de perto em cada uma das quatro unidades, especialmente no período da safra, que é uma grande maratona! Segundo ele, o crucial para um bom vinho é identificar o exato momento da colheita para cada uva, acompanhar a evolução da vinha, antever possíveis problemas e compreender a natureza.

Ao todo, a Miolo conta com a expertise de 23 enólogos, chefiados pelo Adriano, e que atuam nas unidades do grupo, sendo que 9 deles atuam mais diretamente na colheita da uva e na elaboração dos vinhos. Os demais integram setores como o varejo, marketing e área comercial.

  • Curiosidade: na região de Casanova Bahia, a rotina da Miolo é bem diversa. Na Vinícola Terranova, quem está à frente é a enóloga Eloiza Teixeira, que conta com o Velho Chico para driblar o calor do sertão nordestino e trazer vida ao lugar cujos desafios são grandes em razão do clima. O que muitos não sabem é que lá ocorrem duas safras por ano, controladas por um sistema de gotejamento que irriga os 200 hectares de vinhedos de uma ponta à outra. Quando termina a colheita da uva no Sul do Brasil é hora de se preparar para a safra do nordeste!

Assim, começamos a nossa experiência na Miolo, sendo recebidos pelo Adriano, que contou um pouco de como foi o ano de 2019, falou-nos a respeito da expectativa desta nova safra, especialmente frente à safra de 2018, pois esta última superou e muito as expectativas de todos, com vinhos de ótima qualidade, mas também resumiu os desafios do fim de ano, em que enfrentaram uma onda de seca e calor e depois chuvas intensas e que, naturalmente, isso influencia bastante na identificaç!ao do tempo certo da colheita.

Do início ao fim da nossa visita à Miolo, posso dizer que a experiência foi um mix entre visita turística e mini curso, em que pudemos, logo que chegamos, ver um pouco dos vinhedos, depois percorremos algumas instalações da vinícola, como o espaço dedicado à guarda e envelhecimento dos vinhos e fomos, em seguida, para a sala de degustação.

Blog Apaixonados por Viagens - Serra Gaúcha - Vindima - Vinícola Miolo

  • E olhem que legal: 100% dos vinhos da Miolo são Veganos! Mas... calma aí, o que seria um vinho vegano?

Você sabia que, para um vinho ser considerado vegano, é necessário que o vinho esteja isento de agentes de origem animal? E o que muita gente nem imagina é que isso é comum no mundo todo. O exemplo mais habitual é a albumina (clara de ovo), utilizada na clarificação do vinho. Mas existem outros como caseína (proteína do leite), gelatina (origem bovina ou suína), cola e óleo de peixe e quitina (produto da casca de crustáceos). 

Blog Apaixonados por Viagens - Serra Gaúcha - Vindima - Vinícola Miolo

Nas quatro unidades da Miolo Wine Group, nenhum desses produtos é utilizado. Desde 2004, a empresa optou pelo uso da bentonite (terra diatomáceas), de origem mineral, na clarificação de seus vinhos e o reconhecimento desta prática veio com o Selo Oficial que estará no contra rótulo dos produtos, obtido pelo registro na mais antiga Organização Vegana do Mundo: The Vegan Society, reconhecida pela International Vegetarian Organization.

O primeiro vinho a chegar no mercado com esta informação será o Miolo Wild Gamay 2020, com os selos da Vegan e da Alergenic Free, este cumprindo as legislações brasileiras, mas todos os vinhos da Miolo receberão estes selos. O registro junto à Vegan é a garantia de ausência de derivados de origem animal considerados alergênicos pelos órgãos mundiais de segurança alimentar, tanto a União Europeia quanto a Anvisa, no Brasil. 

Blog Apaixonados por Viagens - Serra Gaúcha - Vindima - Vinícola Miolo

Depois desta breve explanação, passemos a descrever (sem tata riqueza de informações e detalhes porque vocês já sabem que eu não sou enóloga nem sommelier, mas apenas uma curiosa do universo da vitivinicultura), a degustação orientada pelo enólogo da família, Adriano Miolo, foi absolutamente fora de série! Top!

Uma aula do início ao fim.

Blog Apaixonados por Viagens - Serra Gaúcha - Vindima - Vinícola Miolo

Ele nos apresentou alguns ícones da vinícola, rótulos que ainda não entraram no mercado e também nos apresentou um pouco de cada um dos vinhedos do grupo, no Rio Grande do Sul, no Vale dos Vinhedos, Campanha Central e Campanha Meridional, além dos Vinhedos Almadén, e na região do Vale do São Francisco.

E por falar em ícones, vamos só mostrar para vocês alguns deles para aguçar a curiosidade!!

Os Sete Lendários da Miolo


A Safra 2018 será compartilhada na taça através do lançamento dos  ‘Sete Lendários’ da Miolo: The 2018´s Seven Legendaries of Miolo. Os sete grandes vinhos serão lançados ao longo do primeiro semestre de 2020. São rótulos ícones das quatro regiões onde a marca está presente com vinhedos e unidades de produção: Miolo - Vale dos Vinhedos (RS), Terranova – Vale do São Francisco (BA), Seival / Candiota – Campanha Meridional (RS) e Almadén / Santana do Livramento, Campanha Central (RS).

No Vale dos Vinhedos, o clima em 2018 transcorreu de forma adequada, com chuvas limitadas e esparsas, acompanhado de temperaturas mais amenas em relação à média normal. As noites foram frescas e os dias mais quentes. Assim, a uva concentrou mais cor, aroma e açúcar, além da sanidade determinante para a elaboração de grandes vinhos.

Lançamentos Safra 2018

  • Miolo Merlot Terroir – Miolo / Vale dos Vinhedos
  • Testardi – Terranova / Vale do São Francisco
  • Quinta do Seival Cabernet Sauvignon – Seival / Campanha Meridional
  • Quinta do Seival Castas Portuguesas – Seival / Campanha Meridional
  • Miolo Lote 43 – Miolo / Vale dos Vinhedos
  • Sesmarias – Seival / Campanha Meridional
  • Vinhas Velhas Tannat – Almadén / Campanha Central

O primeiro lançamento lendário da Miolo é o Merlot Terroir 2018, que já se tornou emblemático, apresentando o melhor de uma safra histórica!

As 26.230 garrafas do Miolo Merlot Terroir 2018 são a primeira prova da Vinícola Miolo de que a Safra 2018 entrou para a história da vitivinicultura brasileira como a melhor de todos os tempos.

Depois de permanecer num sono profundo em barricas de carvalho francês por 12 meses, o vinho foi engarrafado, habitando as caves subterrâneas da Miolo por mais alguns meses. Mesmo antes de ser lançado, este lendário da variedade emblemática do Vale dos Vinhedos já figurava entre os grandes vinhos tintos brasileiros, alcançando 91 pontos no Descorchados 2019. Ostentando o selo de Denominação de Origem Vale dos Vinhedos (DOVV), carrega toda essência da uva que simboliza, além do terroir, o pioneirismo de uma cultura responsável por desenvolver a Serra Gaúcha, hoje responsável por 90% da produção nacional de vinhos.

Blog Apaixonados por Viagens - Serra Gaúcha - Vindima - Vinícola Miolo

Com 15% de graduação alcoólica, o Merlot Terroir 2018 é um vinho nobre, com procedência reconhecida e que expressa o melhor de uma seleção de uvas Merlot dos vinhedos da Miolo, no Vale dos Vinhedos. Eleito o Melhor Merlot do Mundo em Londres, este vinho apresenta coloração vermelho rubi intenso com traços violáceos.

Tem alta intensidade aromática, com expressivo caráter varietal e excelente harmonia da fruta (cereja) com notas de carvalho como caramelo, cacau, café, baunilha. Estruturado, de taninos elegantes e aveludados, com grande volume de boca, apresenta ótimo equilíbrio entre o seu aspecto olfativo e gustativo. Ideal ser apreciado com temperatura entre 16ºC e 18ºC.

Combina muito bem com pratos de textura rica e de aromas intensos e complexos, como pato assado ao tamarindo, risoto de funghi, farfalle ao molho de gorgonzola. Macio, harmoniza por contraposição com comidas de tendência amarga e ácida, como frango caipira com polenta e radicci, avestruz ao molho de mostarda, caldeirada de marisco. Queijos maduros de massa dura, tipo parmesão, pecorino e grana padano são os mais indicados.

Já o segundo rótulo da série The 2018´s Seven Legendaries of Miolo – os Sete Lendários” vem do nordeste brasileiro, onde a Miolo transformou o sertão em vinho.

Elaborado com uvas cultivadas nas terras áridas do agreste da Bahia, o Testardi Syrah 2018 é a expressão máxima desta variedade em terras brasileiras. As 15 mil garrafas estão prontas para serem apreciadas pelo mercado consumidor.

O Testardi Syrah 2018 é o ícone da Miolo no Vale do São Francisco. Este vinho obedeceu um processo de elaboração totalmente diferenciado. Começou com o desengace manual, sem esmagamento da uva. De uma rápida estada de cinco dias em tanque de aço inox, seguiu para barricas de carvalho francês por gravidade, onde ocorreu a fermentação alcoólica e malolática espontânea com a presença das cascas. Depois da prensagem, o vinho passou por um amadurecimento em barricas novas de carvalho francês por 12 meses. O resultado é um vinho inusitado, surpreendente. Suas uvas, alimentadas pelo Velho Chico, são cultivadas pela Miolo na Vinícola Terranova, em Casa Nova (BA).

Blog Apaixonados por Viagens - Serra Gaúcha - Vindima - Vinícola Miolo

Um fato curioso é o nome dado a este vinho. Testardi é um termo italiano que significa teimoso e remete à obstinação e persistência. E é justamente isso que transmite, mostrando ao mundo que é possível cultivar uvas e fazer um grande vinho neste local inóspito, abençoado pelo Velho Chico, que alimenta os vinhedos em meio ao semi-árido. Com o Testardi, a Miolo tem a prova viva de que é possível fazer vinho tinto de alta qualidade no Nordeste brasileiro.

De coloração violácea profunda, traz aromas de frutas vermelhas maduras tipo morango e ameixa preta, além de notas mescladas com gengibre, noz moscada e nuances defumadas. No paladar, é altamente estruturado e de médio volume em boca. Muito equilibrado e untuoso, tem acidez refrescante e longa persistência. Sua temperatura ideal para degustação é de 16 a 18º C.

O forte gosto da carne de bode do Nordeste, o barreado e também a famosa feijoada carioca, harmonizam muito bem com o Testardi Syrah 2018, que também combina com carnes como fraldinha, maminha, bife de ancho, filé mignon e demais carnes vermelhas grelhadas, só temperadas com sal. Carnes de carneiro, buchada de bode, carne de sol, carne de porco, cupim, picanha com a capa de gordura também harmonizam com o vinho. Acompanha um bom e típico churrasco brasileiro.

Blog Apaixonados por Viagens - Serra Gaúcha - Vindima - Vinícola Miolo

Foi muito mais do que uma degustação, mas sim uma verdadeira aula de vitivinicultura e sommelier! Impossível não amar essa experiência. Saí de lá sabendo muito mais sobre vinho do que antes.

Blog Apaixonados por Viagens - Serra Gaúcha - Vindima - Vinícola Miolo

Blog Apaixonados por Viagens - Serra Gaúcha - Vindima - Vinícola Miolo

Depois dessa total imersão em aromas e notas dos vinhos, certamente uma das degustações mais completas que já vivenciei, nós continuamos na Miolo para outra experiência fantástica!

Tivemos a oportunidade única e maravilhosa de vivenciar um dos momentos mais emblemáticos da Vindima: A PISA DA UVA!

Blog Apaixonados por Viagens - Serra Gaúcha - Vindima - Vinícola Miolo

Blog Apaixonados por Viagens - Serra Gaúcha - Vindima - Vinícola Miolo

Como ditava a tradição trazida pelos imigrantes italianos (não se faz mais isso hoje em dia para prensar a uva kkkk... era assim antigamente, mas hoje em dia há maquinário próprio que realiza a prensa... ainda bem, né? Ou teríamos notas de chulé rsrs...), a pisa da uva é uma das atividades da Vindima, ao som de muita música típica (italiana, claro!), e de muitas risadas também!

Blog Apaixonados por Viagens - Serra Gaúcha - Vindima - Vinícola Miolo

Blog Apaixonados por Viagens - Serra Gaúcha - Vindima - Vinícola Miolo

A experiência foi muito divertida! Confesso que no início eu fiquei receosa de entrar na barrica e pisar na uva, mas não tinha como não viver esse momento e lá fui eu! Ao som da tarantela, entrei no clima e comecei a pular e pisar nas uvas.

Blog Apaixonados por Viagens - Serra Gaúcha - Vindima - Vinícola Miolo

A sensação no início é estranha, principalmente o medo de deslizar e cair kkk, por isso é bom estar ao menos em dupla da barrica com as uvas para que um sirva de ponto de equilíbrio do outro.

Blog Apaixonados por Viagens - Serra Gaúcha - Vindima - Vinícola Miolo

A música italiana embalou o nosso fim de tarde e com um delicioso merendim (um lanche típico italiano), cercados pelos vinhedos e com a luz do sol divina do entardecer, foi um dos momentos mais lindos da viagem. Vejam só abaixo como é lindo, super fotogênico e especial esse cantinho fofo que eles prepararam para a nossa Pisa da Uva!

Blog Apaixonados por Viagens - Serra Gaúcha - Vindima - Vinícola Miolo

  • Vindima no Vale na Miolo 2020 foi de 18 de janeiro a 7 de março, às quartas e sábados, com as seguintes experiências: visita à vinícola e ao Parreiral Modelo, Pisa das Uvas, Merendim (lanche típico italiano com pão colonial, queijos, salame, copa, grostoli e uvas), músicas típicas italianas e degustação de suco de uva, vinhos e espumantes. Custou em 2020 R$120,00 (maiores de 18 anos). Cada participante ganhou um brinde. E R$60,00 (crianças e adolescentes de 9 a 17 anos). Já fica aqui a dica para vocês colocarem no roteiro a Vindima 2021!

Blog Apaixonados por Viagens - Serra Gaúcha - Vindima - Vinícola Miolo

Informações:

  • Endereço: Rota Vale dos Vinhedos - Bento Gonçalves
  • Visitação: De segunda a sábado: das 9h às 16h, de hora em hora, além das 16h30min. Aos domingos e feriados: das 10h30min, 11h30min, 12h, 13h30min, 14h30min, 15h e 15h30min. Acima de 15 pessoas é necessário agendamento prévio. Telefones: 54 2102.1537 e 2102. 1540 ou pelo e-mail visita@miolo.com.br
  • Visita Turística: custa R$45 e inclui a visita à vinícola, vinhedos, degustação de 4 produtos e taça personalizada, com bônus de R$10 para compras em vinhos, espumantes e destilados na loja da vinícola. Entre 2 e 17 anos, voucher de R$15, com visita e suco de uva de 300 ml e bônus de R$5 para compras na loja.
  • Visita DOVV: custa R$70 e inclui a visita à vinícola, vinhedos e degustação de produtos com DOV, com bônus de R$20 em compras
  • Mini Curso: custa R$90 por pessoa, ocorre das 15h às 17h30min, incluindo visita técnica com degustação de 6 a 7 produtos, inclusive direto do tanque, além de entrega do Manual do Vinho. dá direito a R$10 de bônus em compras e é necessário o agendamento prévio. Não há quantidade mínima de pessoas.
  • Vinícola Miolo - visita@miolo.com.br | 54 2102.1537
  • Site: www.miolo.com.br 
  • Giordani Turismo – faleconosco@giordaniturismo.com.br | 54 3455.2788

Wine Garden


Depois da pisa a uva, seguimos para o Wine Garden da Miolo, outro espaço incrível, gracioso, em meio a um jardim enorme, com vista para o lago da propriedade, decoração simplesmente fofa e ambiente super aconchegante e agradável para passar um fim de tarde e tomar muitos bons vinhos.

Blog Apaixonados por Viagens - Serra Gaúcha - Vindima - Vinícola Miolo

Blog Apaixonados por Viagens - Serra Gaúcha - Vindima - Vinícola Miolo

Blog Apaixonados por Viagens - Serra Gaúcha - Vindima - Vinícola Miolo

Sabe aquele espaço muito lindinho, super fotogênico, gostoso no verão, no inverno, com ótimos preços, em meio à natureza, para você relaxar, desacelerar e curtir o melhor da região do Vale dos Vinhedos? Pois você achou o Wine Garden!

Na ocasião, além de espumantes e vinhos (o Seival Brut Rosé estava especialmente perfeito para o momento), tivemos mais um lanche repleto de delícias que são normalmente servidas para a casa, com bruschetas, queijos, frutas secas, presuntos... com destaque para as empanadas de carne! Divinas!

Tudo muito bem preparado e saboroso!

Blog Apaixonados por Viagens - Serra Gaúcha - Vindima - Vinícola Miolo

Blog Apaixonados por Viagens - Serra Gaúcha - Vindima - Vinícola Miolo

Em dias normais (fora de eventos), o Wine Garden funciona às sextas, sábados, domingos e feriados, das 10h às 18h.

Mas se desejar saber mais sobre as atrações do Wine Garden, pode entrar em contato pelos telefones (54) 9 8112.0333 ou (54) 9 9683.1948 ou através do e-mail eventoswinegarden@gmail.com


Postar um comentário

Botão do Whatsapp só funciona no celular

Digite o que procura e tecle "enter" para buscar