sexta-feira, 29 de julho de 2016

Conheça o Chope de Inverno Doppelbock da Vila St. Gallen, em Teresópolis! Por Julio Paulin

Dizem os cariocas que inverno não combina com o Rio de Janeiro. Então, para ter um inverno descente, subi a serra, rumo à cidade de Teresópolis, para sentir um friozinho gostoso e experimentar o mais novo chope de inverno, à convite da Vila Sankt Gallen .



Essa foi a minha quarta vez na Vila St Gallen, onde Lili e eu também estivemos nesse janeiro para o lançamento do chope de verão de 2016.


O Harlekin Pub, onde também ficam os toneis e equipamentos para a brasagem das deliciosas cervejas, é um ambiente agradável, que remete aos bares cervejeiros da Europa, em estilo rústico medieval. O pub acabou de lançar novidades em seu cardápio, em parceria com o Chef Rodrigo Mendes.




A cada visita conhecemos um pouco mais da história do local e da origem de seu nome. Marco Antônio foi quem nos explicou que São Galo (em alemão, Sankt Gallen) foi um monge e missionário irlandês, nascido por volta de 550 DC, de destacada atuação na zona do Lago de Constança. Ele foi parte da missão irlandesa, que foi para a Europa continental fundar mosteiros e propagar o Cristianismo. Morreu aos 95 anos e foi enterrado no local de seu retiro, onde posteriormente foi fundado um mosteiro beneditino e uma escola, se tornando depois na famosa Abadia de São Galo.



Dentro do Harlekin Pub há um local próprio para degustações, feitas regularmente com agendamento de horário, onde começamos com o chope Therezopolis Gold, para abrir o apetite e iniciar os trabalhos desse sábado. Essa Gold é uma Premium Lager de receita dinamarquesa que possui médio amargor, cor dourada e certa cremosidade. Ela combina malte 100% puro, três tipos de lúpulos, dois aromáticos e um de amargor, a cristalina água mineral da serra, obtendo 5% de teor alcoólico


Como nem só de pão (líquido) vive o homem, foram servidos os deliciosos bolinhos de queijo empanados em lasquinhas de coco. Tirei foto do prato e fui tirar uma foto do barril, quando retornei já havia acabado. Fiquei #chateado, mas felizmente já havia provado nas outras três ocasiões que fui lá (era só gula mesmo rsrs).


O chope da estação, no caso de inverno, é geralmente vendido apenas na Vila St Gallen e dura somente aquela estação! Há alguns casos onde o chope faz tanto sucesso que ele é envasado e entra para a linha de cervejas comercializadas pela marca.


Ou seja, mais um bom motivo para subir a serra e garantir essa experiência.


Na sequencia degustamos o bolinho do confrade, que é uma mistura de linguiça de pernil artesanal com bacon, cevada, pimenta do reino, tudo isso frito e acompanhado do molho da casa. Tudo isso lhe confere um sabor defumado, levemente picante, que pede mais cerveja.
  

Não se pode sair de uma casa de culinária germânica como essa sem comer um bom croquete de carne. Diferentemente do que se come por aí, esse croquete é feito com muita carne assada e apenas um pouquinho de massa para dar a liga. Então a sensação é de comer os macios fiapinhos de carne temperada, com uma textura super sequinha, que claro, pede mais cerveja.
   

Finalmente chegamos à grande estrela do dia, criação da Vila St. Gallen para esse inverno, seguindo o estilo alemão Doppelbock, um chope encorpado, aromático, saboroso, levemente adocicado, com leve sabor de canela, de alta gradação alcoólica, sem deixar o gosto forte de álcool na boca.

Para acompanhar, um arroz de costela, criação do Chef carioca Rodrigo Mendes, que combinou o sabor delicioso da costela ao quase imperceptível toque de erva doce, com o adocicado da noz de pecã e creme de provolone ao fundo. Isso me fez então eleger o arroz de costela como o meu prato favorito do pub, lugar que até então era ocupado pelo bolinho do confrade.
   

O chope Doppelbock e o arroz de costela harmonizaram muito bem um com o outro, pois não concorreram entre si no sabor.


Chope de inverno 2016 da Vila St. Gallen:

- Nome: Exaggerator

- Estilo: Doppelbock

- Teor Alcoólico: 9,0%

- Amargor: 23 IBU (Equilibrado)

- Coloração: avermelhada

- Aroma especial: Canela

- Temperatura: 8ºC a 10ºC

- Cervejeiros: Gustavo Miranda e Tommaso Di Martino

- Acompanhamento: arroz de costela e agrião sobre creme de queijo defumado e crocante de noz pecã, criado pelo do chef Rodrigo Mendes

Valores:

- Chope de inverno:

200ml – R$9 / 400ml – R$15 / 1L – R$35 / Bota de 1L – R$35

- Arroz de costela – R$39

Para fechar, comi uma deliciosa Torta Alemã. Gostei muito porque estava muito cremosa e não era tão doce, encerrando assim a tarde com chave de ouro.


O Pup Harlekin, da vila St. Gallen, na minha opinião, deixou de ser apenas uma ótima cervejaria mas um excelente restaurante. 



Então, booooora? Tomar uma!!!! rsrs...



Nenhum comentário:

Postar um comentário