terça-feira, 19 de julho de 2016

Abelardo Restaurante e Bar, no 5 estrelas Hilton Barra Rio de Janeiro



Nós fomos convidados a jantar no restaurante Abelardo, durante nossa hospedagem no maravilhoso hotel Hilton Barra Rio de Janeiro, um hotel com cerca de 1 ano de inaugurado, localizado em área bem valorizada que cresce a cada dia, cercado de centros empresariais, de convenções, de eventos.

O espaço do restaurante é bem confortável e amplo. Você pode escolher ficar no salão interno ou em uma espécie de varanda.


As mesas são ou com cadeiras ou com cadeiras e sofás. Espelhos conferem maior amplitude e um lustre maravilhoso, na frente e central, em formato de cascata, dá um toque ainda mais especial à decoração, onde predominam os tons de cinza e madeira clara, além de muito efeito com luzes. 

Portanto, podemos dizer que o restaurante é bem romântico, mas também muito apropriado a uma refeição de negócios ou até mesmo para as famílias se encontrarem, ou, como no nosso caso, amigos.

Chique e sofisticado, não acham?



No caso, nós fomos em um sábado à noite, mas, como o hotel não estava muito cheio, o restaurante também não estava. Por outro lado, como estava rolando uma festa no lounge do rooftop, acredito que isso tenha contribuído para que o restaurante não estivesse muito movimentado e os próprios hóspedes se animaram mais para subir e curtir a festa, isso porque, quando chegamos para nos hospedar, mais cedo, percebemos que o restaurante estava bem cheio e agitado. 

Ainda assim, acho que vale à pena ligar para o hotel e fazer uma reserva.


Só posso adiantar uma coisa: nossa noite foi especial e maravilhosa!

Em termos de cardápio, trata-se de um restaurante que atende um hotel com bandeira internacional. Eu esperava, inclusive, um cardápio mais internacional e, por conta disso, sem muita personalidade. Ledo engano da minha parte!

Confesso que foi uma grata surpresa conferir que o cardápio do Restaurante Abelardo tem uma presença marcante de ingredientes nacionais, frescos e é repleto de releituras de pratos conhecidos o que confere muita personalidade e muita bossa ao restaurante.



Portanto, gostamos muito do que vimos e comemos. E, para que vocês não pensem que estamos dizendo isso só pelo fato de termos sido convidados, digo logo que havia conosco um querido casal de amigos que mora ali perto e que foi nos encontrar. Eles também adoraram o restaurante e, principalmente, ficaram admirados com os preços. Inclusive, como moram próximo, disseram que retornarão com certeza. 

Por ser um restaurante localizado dentro de um Hotel 5 Estrelas, isso pode assustar a alguns - eu ficaria assustada e com medo dos valores... normal! Só que no restaurante Abelardo nós verificamos que os preços são compatíveis com os restaurantes do Rio de Janeiro os quais podemos classificar como bons restaurantes e que oferecem um custo-benefício justo e honesto.


Eu tirei fotos do cardápio e vocês poderão ver os valores mais detidamente e concluir que não se trata de um restaurante extorsivo. Está dentro do padrão da cidade.


Nós começamos a noite com um couvert da casa, que nos foi servido. Achei tão fofo e tão carioca o biscoito de polvilho, eternizado pela marca "Globo" e conhecido mais popularmente como Biscoito Globo, com queijo tipo cheddar... super interessante a apresentação desse couvert.


Também achei diferente o ceviche de banana, igualmente servido no couvert, que acompanhou uma cesta de pães. O ceviche era muito saboroso, embora eu não seja fã de doce com salgado, achei essa releitura muito exótica e o resultado me agradou.


Para entrada, nós pedimos duas que amamos e sabíamos que não teria erro: cogumelos do Brasil trufados e, agora sim, o verdadeiro e autêntico ceviche de peixe e frutos do mar.


Como não amar? Claro que se não estive bem preparado, eu não recomendaria! rsrs... mas, desde a apresentação dos pratos até a sua elaboração, pudemos perceber os cuidados que o restaurante tem com seus clientes.


Achei as porções bem generosas e satisfatórias, compatíveis com os preços cobrados, especialmente por serem entradas. No caso do cogumelo, achei tão farto que poderia ser sozinho o meu prato principal, pois, além de ser uma porção bem generosa, estava divino e foi o meu preferido da noite em disparado.



Isso não quer dizer que eu não tenha gostado do ceviche. Seria um sacrilégio porque estava muito bom também.

Em termos de pratos principais, nossos amigos pediram o mesmo risoto rsrs... até brincamos com eles que poderiam pedir diferentes sabores e experimentar metade de cada um. Mas eles disseram que amam tanto risoto de cogumelos que seria difícil dividir rsrs... fato é que eles adoraram e, apesar de eu ter experimentado somente um pouquinho, posso afirmar que a cara estava muito boa e o sabor também.

Reparem que o risoto é de Cogumelos Orgânicos, o que reflete o cuidado com o bem estar dos seus clientes. 



Eu pedi a Lagosta na Moranga, crente crente que viria a moranga mesmo para eu me deleitar, pois é um dos meus pratos prediletos na vida e não pensei duas vezes em pedir. Só que eu provavelmente não prestei muita atenção nas explicações que o garçom ofereceu no momento do pedido e fiquei um pouco frustrada quando o prato chegou à mesa: tratava-se, mais uma vez, de uma interpretação do prato e não veio a moranga como eu imaginava rsrs..


Bem, isso não diminui, em hipótese alguma, a beleza do prato que realmente foi muito original e diferente. Pontos para o chef Emiliano Sabino, que assina o cardápio do restaurante e já havia se consagrado no hotel Hilton de Buenos Aires e tem, em seu currículo, passagem pelo Institut Paul Bocuse, na França.


Belíssimo prato, com apresentação ímpar, harmoniosa, leve e bastante fotogênica, devo dizer, a Lagosta na Moranga estava bem saborosa, no ponto certo e com tempero adequado. Contudo, não me matem se eu disser que prefiro o prato tradicional, na moranga... fiquei com desejo e nem estou grávida rsrs...


Julio pediu para ele o Robalo Assado, com creme de baroa e croutons. O prato era muito leve, com apresentação fina e requintada, como todos foram, na verdade, em tamanho adequado e satisfatório também.

O robalo estava com seu ponto perfeito, desmanchando, e muito saboroso.


Como não poderia deixar de faltar, pedimos a degustação de sobremesas, já que eu não teria coragem de me despedir do restaurante sem provar suas iguarias doces.

Assim, nós pedimos duas Degustações do Chef! Calma, gente... foi uma para cada casal e é mais que suficiente, pois ela é muito bem servida.


Composta por Crème Brûlée, Banana Assada com Sorvete, Manjar e o Arroz Doce do restaurante.

Percebam, portanto, que a degustação é bem completa e abrange quase todas as sobremesas do cardápio. É, sem dúvidas, a melhor forma de experimentar um pouco de cada, principalmente para formiguinhas, como eu, que sempre ficam indecisos na hora de escolher somente um. Como é bem generoso, eu diria que uma degustação teria sido suficiente para nós quatro.


Estava tudo muito saboroso, bem preparado e a apresentação, mais uma vez, impecável! Adoramos, principalmente, o Manjar de Maracujá que estava irretocável e maravilhoso.


Mas como eu sou exagerada em matéria de doce, não satisfeita de não provar todas as sobremesas do cardápio, pedi ao garçom que nos trouxesse o Fondant de Chocolate, com sorvete de baunilha e calda de frutas vermelhas! Óh céus! Estava dos deuses também!


Sim, foi uma extravagância, mas eu fiquei tão feliz rsrs... e que fofo vir com o chocolate customizado com o nome do hotel, não acham? Até porque nós ficamos no suco durante toda a noite. Inclusive, experimentei o suco detox do restaurante. Ele não me emocionou muito, todavia, o que importa é o efeito psicológico de que estava me ajudando rsrs...

Após tudo isso, somente um chá de hortelã para encerrar o nosso jantar em grande estilo.


Por fim, vale comentar que a casa costuma oferecer como opção até mais econômica, se somar o valor de todos os pratos, um Menu Degustação aos seus clientes, já elaborado de forma a harmonizar perfeitamente, podendo-se escolher entre Menu Terra ou Menu Mar. É uma opção interessante para quem não quer perder muito tempo escolhendo os seus pratos e facilita bastante na hora de pedir sua bebida, especialmente para não errar o pedido e seguir harmonizando.


Tivemos uma ótima experiência no restaurante Aberlado e agradecemos pelo convite e gentileza em nos receber, especialmente ao garçom que nos atendeu que foi muito simpático e educado conosco durante todo o seu atendimento, oferecendo dicas e até mesmo preparou o suco detox para a gente! 

** FICHA TÉCNICA DO ABELARDO RESTAURANTE E BAR **

- Endereço: Hilton Barra Rio de Janeiro Hotel, Av. Embaixador Aberlardo Bueno, 1430 - Barra da Tijuca, Rio de Janeiro

- Telefone: 55 21 33481000

- Site: http://www.hiltonhotels.com/pt_BR/brasil/hilton-barra-rio-de-janeiro/

- Horários de funcionamento do restaurante: de segunda a domingo, das 6:00 às 23:00.

- Como Chegar: indicamos que vá de carro, ou contrate um transfer ou chame um táxi/Uber. 

- Estacionamento sem manobrista: não disponível

- Valet Service: 45USD (disponível 24h)

Nenhum comentário:

Postar um comentário