08 julho 2015

Tallinn, a capital da Estônia - Guest Post por Intiways Travel

Tallinn, a capital da Estônia - Guest Post por Intiways Travel


Tallinn: uma cidade pequena em Europa, por Lia Petruccelli

A maioria das pessoas sabe pouco sobre a capital da Estônia, já que não é uma cidade famosa como Paris ou Londres. A pequena cidade, localizada no Golfo da Finlândia e junto ao Mar Báltico, tem pouco mais de 400 mil habitantes e a cada ano atrai mais visitantes curiosos para explorar o Lado B da Europa, aqueles destinos menos pops e considerados mais secundários, mas nem por isso menos bonitos e atrativos. Mas essa linda cidade, embora seja uma novidade para muitos, é bastante antiga e data do século XIII. E é do tipo que saiu dos contos de fadas!


O principal motivo do aumento do interesse dos turistas pela cidade é a arquitetura local, que preserva características da Idade Média. Tallinn é umas das únicas cidades europeias que nunca chegou a ser bombardeada durante alguma guerra e por isso mantém as construções medievais quase intactas. A cidade fica ainda mais linda durante o inverno, quando uma camada de neve a cobre por completo, dando um charme especial.

Chega-se a Tallinn por avião, com companhias aéras como a Estonian Air, a Finnair, KLM, TAP, Easy Jet, dentre outras, ou por ferry, para quem estiver na Finlândia, ou de Estocolmo na Suécia, ou de São Petersburgo na Rússia.

Um dos principais atrativos da cidade é o grande número de restaurantes, tanto de comida internacional, como local. Caminhar pela Avenida Vene, repleta de restaurantes, já revela um pouco disso. A comida estoniana foi influenciada por vários povos que ocuparam a região, como os germânicos e os russos. Os ingredientes mais usados são a carne de porco e o peixe, a batata e o repolho. O tradicional pão preto acompanha a maioria dos pratos. Um dos pratos mais consumidos é o Sült, que para nós pode parecer um pouco estranho, feito com ossos de porco cozidos com gelatina. Outra tradição típica do país é o Verivorst, um embutido que se parece com a morcilha e que é servido no natal com chucrute ou molho de cranberry e batatas.


Também há na cidade muitos bares, que ficam abertos durante o dia e que servem lanches baratos, o que é boa opção para os que estão viajando com pouco dinheiro.  Os estonianos gostam de beber e produzem a maioria das bebidas no próprio país, como por exemplo, a Vana Tallinn (velha Tallin), que é um licor doce, aromatizado com baunilha. As vinotheques estão na moda em Tallinn e você poderá encontrar muitas delas durante o seu passeio. Elas são românticas e aconchegantes e claro, vendem vinhos de qualidade.

Você também pode optar por reservar um tour pela cidade, por exemplo, aqueles passeios Hop-On Hop-Off nos ônibus em que você pode descer nas atrações turísticas, visitar e depois pegar o próximo ônibus e seguir passeando. Existem tours temáticos de vários tipos, que vão desde tour gastronômicos até tours fantasmagóricos. Durante o inverno, você pode fazer um tour de trenó, puxado por huskys siberianos.


As principais atrações turísticas da cidade são:

- você pode simplesmente se perder por suas ruelas charmosas e medievais, observar as muralhas, contemplar a arquitetura sem destino, sem hora, sem roteiro e aproveitar ao máximo a Old Town de Tallinn, a Cidade Velha/Vanalin, que é considerada Patrimônio da Humanidade pela UNESCO pelo seu magnífico acervo arquitetônico, muito bem preservado e que sobreviveu a muitas ocupações e guerras;
- comprar um Tallinn Card se quiser se locomover de ônibus, troles ou bondes e aproveite para visitar os moinhos de vento;
- Praça da Prefeitura/Praça Central/Town Hall Square, onde as multidões costumam se reunir;
- Visitar a Igreja de Santo Olavo (St. Olav) que é simples, bela e imponente com 159 metros de altura, já foi o edifício mais alto do mundo e do alto da sua torre é possível ter uma maravilhosa vista da cidade;
- Subir a rua Pikk Jalg, uma das mais graciosas, e encantar-se com Toompea, bairro na parte alta da cidade velha, com ares ainda mais medievais com suas torres e jardins, de onde se tem uma vista espetacular da cidade e onde fica o Castelo que abriga o Parlamento;


- Visitar a Catedral de Alexandre Nevsky, que é ortodoxa e fica em Toompea, que nos impressiona por sua arquitetura, duomos e rica decoração;
- Visitar a Igreja Toomkirik, que é luterana e a mais importante de Toompea, dando origem ao seu nome;
- Kadriorg Park, que fica um pouco mais afastado da Old Town, mas é lindo, com lagos, e convidativo para um passeio, especialmente nesta época do ano, durante o verão;
- Passear pelo Castelo Glehn, em Nõmme.

OBS.: Veja mais dicas em Visit Estonia, Lonely Planet, Visit Tallinn

Na hora de comprar um souvenir ou uma lembrancinha para a família, você pode optar por ir a um local onde você mesmo pode fabricar o produto. Na cidade existem vários, principalmente de produtos artesanais típicos do país.

Outro detalhe interessante é que a cidade é high-tech e os moradores costumam fazer tudo online. Existe wi-fi grátis por toda Tallinn e a sociedade estoniana se orgulha por ser tão digital.

Talvez o mais complicado para os brasileiros seja entender a personalidade dos estonianos. A impressão que eu tive é que eles são o oposto dos brasileiros e não gostam de conversar muito com estranhos. Se você quer fazer amigos, terá que arrumar uma desculpa para puxar papo.

Web: INTIWAYS
Twitter: @Intiways
Perfil do autor: Lia Petruccelli é Gerente de Operações na Intiways Travel, agência turística especializada em Turismo Receptivo de Luxo e viagens à medida em Lima, Peru
Fotos: enviadas pela Intiways Travel para divulgação da matéria




  1. Esse lugar tenho vontade de conhecer...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também, Juliana! Ainda não fui! Mas está na minha lista.
      Obrigada pelo comentário.
      beijos,
      Lily

      Excluir

Botão do Whatsapp só funciona no celular

Digite o que procura e tecle "enter" para buscar