quinta-feira, 12 de janeiro de 2012

Florianópolis: Nights/Baladas/Festas!!!! (1)

FLORIPA, além das praias, dunas, esportes radicais, também é muito famosa por ser um lugar de ótimas festas/nights/baladas!!


Gente bonita, animada, repertório musical simplesmente perfeito, excelentes DJs, alguns renomados mundialmente, festas de dia, sunset party, after party, e a noite parece não ter fim!!!! Cenário perfeito para quem quer curtir, dançar, flertar, azarar, zuar e, com certeza, se divertir muito!!

Algumas festas eu comprei antes mesmo de viajar, por meio dos sites Blue Ticket e Ingresso Certo.

É bom acessar os sites das boates e dar uma olhada nas suas agendas e programações que quase sempre são divulgadas com antecedência. Dessa forma, é só decidir o que é mais legal para ir e comprar com antecedência a festa!!!

Isso foi muito vantajoso!! Já que eu não tinha contatos lá em Floripa para arrumar "esquemas" interessantes para entrar nas festas (soube que muita gente que mora lá consegue descontos e, muitas vezes, convites VIPs), se eu deixasse para comprar os ingressos para entrar nas festas na hora da festa, os valores eram até 5 vezes maiores!!! Portanto, vale a pena acessar esses sites de venda de ingressos e até mesmo as agendas das boates para verificar as festas que vão rolar e tentar, na medida do possível, comprar com alguma antecedência.

Estive no P12 por duas vezes, na Taiko por 2 vezes, no Café de la Musique por 3 vezes, na Warung (em Itajaí), na Pachá e na Posh. Juntamente com a festa de reveillón, que também foi comprada com antecedência (ainda no 1º lote), foi o que eu consegui fazer em 7 noites em Floripa!!

Sono?? Cansaço?? Dor?? Fome?? O que é isso, hein?? Eu desconheço!! rsrs... Foi, sem dúvida, uma semana frenética, conciliando praia com festas/baladas, e é claro que voltei pra casa destruída!! =))

Comecei a semana, já na segunda, indo para a Taikô, que estava até bem movimentadinha. Espécie de lounge na beira da praia de Jurerê Internacional, no melhor estilo "pé na areia", o lugar é um charme!! Espreguiçadeiras, sofás, mesas e muito champagne compõem o ambiente. E, para melhorar, o DJ arrasou no dia: trilha sonora perfeita!! Um set list bem caprichado!! Pelo que percebi, o lugar costuma reunir um público maior no período da tarde até o anoitecer.



Saindo da Taikô, ainda na segunda, fui conferir a festa Openning Summer do P12, que também fica na beira da praia de Jurerê Internacional. Infelizmente, essa festa não foi muito bem sucedida... Poucas pessoas compareceram e, para mim, apenas serviu para relaxar dentro do P12 que tem uma infraestrutura impressionante!! O lugar é enorme!! Com piscinas, mesas, sofás, espreguiçadeiras, tudo muito bem decorado!! Uma pena que a bebida que eu mais queria experimentar, a base de sorvete, chamada caipicolé, não tinha...


Já na terça, após o tour pelas praias, embora estivesse muito cansada, fui conferir a festa com o famoso DJ Carl Cox lá na Warung, boate que fica em Itajaí, próximo a Balneário de Camboriú.


Como pegamos muita chuva na estrada e não conseguimos sair cedo como gostaríamos, chegamos lá por volta de 01:30 da madrugada. A chuva foi bem cruel com a gente nesse dia e não deu muita trégua.


A boate já estava cheia e o Carl Cox tocou até amanhecer!! Para quem gosta de um som eletrônico um pouco mais "pesado" - tipo rave, o lugar estava perfeito!! Como não sou muito fã, acabei abstraindo isso me diverti bastante também!! Vários ambientes, uns cobertos e outros não, uma varanda bem grande que fica de frente para a praia, no segundo lugar, revela um amanhecer belíssimo para quem pôde apreciar. Uma pena é que foi um amanhecer chuvoso... Ainda assim, foi muito legal ver aquele mar todo ali na frente.

Para chegar lá na Warung, gastamos algo em torno de 1 hora e meia de Jurerê até lá. A estrada é um pouco escura à noite. Portanto, todo cuidado é pouco!! Vimos, na volta, inclusive, um acidente na estrada. Por isso é sempre bom lembrar para não beber antes de dirigir ou esperar todos os efeitos da bebida passarem antes de dirigir.

Blitz Lei Seca, como as que acontecem aqui no Rio o tempo todo e em vários lugares, eu realmente não vi por lá em lugar algum. Ainda assim, é bom não arriscar e não se exceder!!

Na quarta feira, como o dia estava nublado e com algumas chuvas ocasionais, não "deu praia"!! Dessa forma, após um merecido descanso durante a manhã (considerando que chegamos de volta ao hotel já quase 10:00 da manhã!!!), de tarde fui conferir o famoso e glamouroso Café de la Musique, que fica de frente para a praia de Jurerê Internacional.


Na verdade, a ideia era somente dar uma passadinha na frente para descobrir qual era a programação e se teria alguma festa no dia. Para nossa surpresa, o Café de la Musique estava lotado!! Com festa já rolando lá dentro e a melhor parte é que a entrada para mulheres era gratuita!!

O lugar é próprio mesmo para sunset party!! Começa a bombar por volta das 17:00/18:00. Além disso,  a música acaba de verdade por volta das 22:30h. E por volta das 23:00h as pessoas começam a ser convidadas a se retirarem.


Luxo, glamour, animação, belíssima decoração, atores globais, azaração, muita dança, muito champagne e, na minha opinião, o melhor set list que ouvi naquela semana em Floripa, um repertório musical simplesmente incrível, tudo isso fez com que eu me encantasse pelo Café de La Musique!! E não foi a toa que acabei voltando lá e, no todo, fui por 3 vezes!! Amei cada detalhe da decoração, os bangalôs, os lustres, tudo lindo demais!!

Nesse mesmo dia, ainda, depois do Café de la Musique e de uma pausa para comer uns petiscos no Spazio, restaurante que fica em frente ao Open Shopping e bem perto do Café, fomos para a Pachá, que fica em Jurerê!!

Mundialmente conhecida, a Pachá, que existe em vários países, aqui no Brasil tem uma casa em Florianópolis, São Paulo e Búzios. E, por incrível que pareça, eu nunca estive em nenhuma delas!! Logo, um bom motivo para conhecer a boate.

O set list musical foi um pouco parecido com o da Warung, ou seja, um eletrônico mais pesado. O lugar é bem grande e conta com vários ambientes. Estava muito cheio!

Infelizmente, minha experiência na Pachá não foi das melhores porque tive minha bolsa aberta e celular furtado. Perdi muito tempo procurando o celular, conversando com as pessoas que estavam próximas e, por fim, relatando o ocorrido em uma espécie de Central de Achados e Perdidos. Soube que há muitos registros de furtos de celulares dentro da Pachá, o que é uma lástima!

Ainda assim, voltaria lá em outra oportunidade, só que da próxima vez vou usar uma bolsa mais difícil de ser aberta!! =))

Não deixem de acompanhar... no próximo post: Mais Festas!!!

Um comentário:

  1. "Grande artigo e óptimo blog! Deixe aproveitar este seu espaço de comentários para apresentar Viagens em Marrocos.
    Somos uma equipa de especialistas em turismo por todo Marrocos. Planeamos viagens de sonho em Marrocos, passando por deserto, cidades, montanhas e oásis de uma beleza incrível.
    O nosso site é http://www.viagens-em-marrocos.com, e aí pode ver mais detalhes e ideias.
    Se estás a pensar em Marrocos, vem experimentar um dos nossos veículos 4x4 e conhecer os segredos mais escondidos.
    Obrigado.
    Omar"

    ResponderExcluir