sábado, 17 de dezembro de 2011

BONITO!! Quarto Dia...

Quarto dia: Parque das Cachoeiras
Sábado de sol!! E o dia amanheceu lindo de novo!! Sol maravilhoso!
Após o café da manhã, fomos para a aventura do dia: Parque das Cachoeiras!



O receptivo fica a aproximadamente 17km do centro de Bonito. E haja disposição para encarar a estrada para chegar lá. Estrada de chão e pedras bem ruinzinha. O Parque das Cachoeiras fica em uma Fazenda que oferece passeio em uma trilha bem tranqüila que passa por 7 cachoeiras e pelo Rio Mimoso.



Pela proximidade com a Estância Mimosa, os dois passeios compartilham duas cachoeiras, mas preferi fazer o passeio do Parque das Cachoeiras porque são mais cachoeiras e o passeio é feito por trilha (na Estância Mimosa é feito por barco também). O passeio pelo Parque das Cachoeiras custa R$85,00 por pessoa com almoço. Alugamos um par de papetes por R$3,00 (sapatinho de borracha) que facilitou andar nas pedras e escalar algumas cachoeiras.



Nossa guia foi a Taís que passou o dia todo conosco, explicando bastante sobre a fauna e flora da região, sobre o rio e influência do calcário na decantação das impurezas e seu papel fundamental para deixar cristalina a água dos rios de Bonito e também sobre a presença de magnésio na água. O curioso foi ver no caminho uma Figueira Mata Pau (árvore que vai entrelaçando outra árvore e, com o passar do tempo, vai destruindo esta) que já estava praticamente matando a outra árvore na qual se entrelaçava.
O passeio foi ótimo! Com sol tudo fica tão lindo!! As cachoeiras são muito bonitas!! Mas, como a seca esse ano foi muito forte e a época das chuvas está começando agora em dezembro, não foi possível ver as Cachoeiras em seu esplendor e com volume de água grande.


Além disso, foi também explicado que uma forte chuva em janeiro de 2011 alterou muito o curso de alguns rios de Bonito e, em consequência, algumas Cachoeiras dos tradicionais passeios mudaram sua aparência e outras simplesmente desapareceram. É a Mãe natureza fazendo o seu trabalho!!



Paramos em 4 cachoeiras para banho!! Com o calor e sol que fazia, foi um banho delicioso, mesmo com a água fria da região!!
Uma das pausas foi na Cachoeira da Carretilha e, mais uma vez, eu encarei a Tirolesa!! Essa era bem mais alta que as outras e, além de alta, era mais inclinada. Venci o medo e pulei para sentir o friozinho na barriga de novo!
As cachoeiras mais bonitas foram a do Sol (compartilhada também com o passeio da Estância Mimosa) e a Cachoeira do Amor. E, é claro, muitas e muitas fotos foram tiradas!!




Após o passeio, almoçamos lá no receptivo. Almoço simples, com comidas e doces caseiros, mas tudo muito bem preparado. O receptivo era mais simples, contando apenas com redário para descanso após o almoço.



Por isso, resolvemos aproveitar o fim da tarde, com sol lindo, forte e com muito calor, para conhecer um dos Balneários. Resolvemos ir ao Balneário do Sol, só que no caminho fomos informados que a ponte de acesso estava interditada e que teríamos que fazer outro caminho que tomaria mais tempo, já que esse balneário fica a aproximadamente 12km do centro de Bonito.
Consideramos isso e também a questão do horário de funcionamento dos Balneários é até às 17:00 e fomos até o Balneário Municipal, bem mais próximos, a aproximadamente 6,5km do centro de Bonito, um pouco mais à frente do Hotel Cabanas, onde é realizado o Bóia Cross, com ótima estrada (coisa meio rara em Bonito!!).



O sol estava bem forte e fomos lá conferir o balneário. Mas não gostamos. Provavelmente por ser sábado, estava muito cheio. E também descobrimos que bonitenses não pagavam para entrar. Pagamos R$10,00 (cada um) para entrar e ficamos nem 40 minutos. Definitivamente não valeu muito a pena ir lá. De repente, em um dia da semana mais calmo, pudesse ser melhor aproveitado. O lugar é bonito, banhado pelo Rio Formoso, mas conta com infra estrutura bem simples. Soube por um casal que conheci lá que o a comida no restaurante central do Balneário era bem saborosa (comeram carne de jacaré). Da próxima vez eu tentarei ir ao Balneário do Sol (que custava agora R$25,00 – Baixa Temporada), fica um pouco mais distante e talvez seja melhor (disseram que a infra estrutura lá era ótima!!).



À noite, já que comemos muito bem no almoço, resolvi lanchar no Vício da Gula, na rua principal de Bonito, e comi um X-Jacaré (filé de jacaré com queijo, molho da casa e tomate) e um suco de fruta local, de Guavira. Tudo muito delicioso!! Super recomendo!! (se bem que o suco de guavira tem um sabor diferente, lembrando uva verde e não sei se agradaria o paladar de todos... ). Lá eles fazem o milk-shake de Guavira que foi muito recomendado pela guia Taís. Só que não cabia no meu estômago.



E a noite, dessa vez, encerrou cedo porque no dia seguinte o dia seria bem cheio e acordaríamos beeem cedo mesmo, para sair do hotel às 8:00. (Aliás, para aproveitar bem os passeios em Bonitos e fazer o máximo de passeios que existem por lá, tem que ter muita disposição para acordar cedo, fazer trilhas, flutuações, nadar, saltar, e por aí vai!!)

Nenhum comentário:

Postar um comentário