terça-feira, 27 de outubro de 2015

Descubra seis lugares imperdíveis pela Eslovênia, por Dani Mi

Olá pessoal, me chamo Dani Mi, a ninja loira aventureira e escrevo para o blog Na Mochila da Ninja

Muitas agências e revistas de viagem listam alguns destinos que você deveria conhecer antes de morrer. Eu citei um em meu blog que, sem sombra de dúvida, ficará eternamente em minha memória: a Eslovênia.

Recebi um convite da nossa lindona blogueira Lily Pestana para escrever um pouquinho sobre a minha experiência de viagem no território esloveno, que foi incrível!

Castelo de Predjama
Montei os seis lugares tops da Eslovênia para o blog da Lily e espero que vocês possam curtir essa viagem como eu curti.

Lily, obrigada pelo carinho e atenção! Te admiro!

PS.: Eu, Lily, que agradeço pelo carinho e pelo texto lindo que a Dani escreveu para o Apaixonados! Se eu já nutria forte desejo de visitar a Eslovênia um dia, após essa matéria e fotos, a vontade só fez crescer. Dani, tenho certeza de que esse post vai inspirar muitas pessoas e que seu blog será um sucesso porque você faz o que faz com amor e dedicação! 
  
** Descubra os 6 lugares imperdíveis pela Eslovênia **

A Eslovênia é um pequeno país do leste europeu, com seus 20.273 quilômetros quadrados de território, com belíssimos lagos, impactantes parques nacionais, reservas florestais, exóticos castelos e infinitas grutas. 

É inacreditável como esse país oferece uma diversidade de opções para todos os gostos, desde visitas tradicionais à capital de Ljubljana até trilhas e cachoeiras pelo Parque Nacional de Triglav.

Esse país rico de uma natureza exuberante já fez parte de muitos impérios, como: Romano, Bizantino, Da República de Veneza, Romano-Germânico, da Monarquia de Habsburgo, Austro-Húngaro, Reino dos Sérvios, Croatas, da Iuguslávia, tudo isso até conquistar sua independência em 1991.

A logística até lá é tranquila de elaborar, pois o país faz fronteira com a Áustria, Croácia, Hungria e Itália. No meu caso, eu estava em Zagreb, capital da Croácia, e fui de carro para Ljubljana, capital da Eslovênia. O percurso leva por volta de 1h e 40min para percorrer os 140 km pela A2.

Lago Bled

Caso queiram viajar somente para a Eslovênia, há um aeroporto internacional em Ljubljana, localizado a 26 km ao norte da capital e opera com os principais destinos da Europa.

A melhor forma de se deslocar pela Eslovênia, sem sombra de duvida, é alugando um carro. Mas se a intenção é ficar somente em Ljubljana, sugiro que circule pela cidade de bicicleta ou transporte urbano. Todos os links sobre deslocamento pela cidade foram mencionados neste post do blog Na Mochila da Ninja.

O clima na Eslovênia é bastante agradável e aconselho viajarem no período da primavera ou outono europeu. As paisagens se desabrocham de uma forma especial nesses períodos e você evita o calor excessivo do verão.

Eu fui em junho e recomendo que se planeje a viagem entre maio e junho porque o clima estará agradável para quente e, o principal, ainda não será alta temporada. Portanto, os valores serão mais acessíveis. Em tempos de alta do euro e do dólar, planejar a viagem fora da alta temporada facilita bastante no orçamento. Setembro também é um ótimo mês e Outubro. Contudo, outubro já começa a esfriar. 

Os brasileiros não precisam de visto caso permaneçam no país até 90 dias, mas é obrigatório apresentar passaporte com validade mínima de 6 meses e o seguro internacional de viagem. 

Como a minha entrada no país foi via terrestre, precisei comprar um adesivo antes da fronteira que foi criado como uma forma de pedágio pelas estradas eslovenas, mas, para quem estiver chegando pelo aeroporto, inevitavelmente passará pela fiscalização eslovena, por isso, sugiro que tenham o voucher do hotel e o bilhete aéreo de saída do país na bolsa de mão, caso haja algum questionamento.

Não são exigidas vacinas específicas para a entrada em solo esloveno e a língua oficial é a eslava, sendo que há muito dialetos locais. Como a língua inglesa é universal, você não terá nenhum problema se comunicando em inglês com os eslovenos.

Se a sua viagem for de poucos dias, segue aqui uma lista de lugares imperdíveis que devem ser visitados:


1 - Ljubljana, a capital da Eslovênia: assim que chegar nela, você identificará suas estruturas milenares com frescor de uma população jovial. Ela é palco de expressões artísticas com uma programação expressiva de festivais e eventos pela cidade.

Castelo de Ljubljana


Algumas atividades pela cidade:

●  O castelo de Ljubljana está localizado em um monte no centro da cidade velha, podendo ser visitado pelo funicular localizado em frente à praça Vodnikov;

Castelo Ljubljana
●  Passear pelas ruas da cidade antiga também tem o seu valor cultural, observando o contraste de construções modernas com as milenares;

●  Circular de bicicleta pela cidade não é mais só para os habitantes. Você pode alugar a sua via internet, retirar a bicicleta em uma das muitas estações espalhadas pela cidade e sair pedalando;

● O passeio de barco pelo rio Ljubljanica também tem o seu espaço, garantindo um certo romantismo e calmaria aos casais apaixonados;

● A catedral de São Nicolas é a que possui mais destaque dentre todas construções religiosas, localizada entre as praças Vodnikov e Pogacarje, com sua torre visível por toda cidade velha e portas de bronze que retratam a história do cristianismo ao longo dos anos e os recentes bispos da diocese;

Torre da Catedral São Nicolas

● As pontes são encantadoras, cada uma com sua história em particular: a dos dragões foi construída em 1848, a Cobbler ou dos sapateiros, famosa por ser um lugar de zona livre de impostos durante a Idade Média, a Butchers, que é a mais recente e famosa por sua estrutura moderna sendo lugar de permanência dos cadeados com juras de amor eterno, e a tripla ponte que une a cidade velha a praça Preseren, a qual é bastante popular, circulando muita gente por dia.

Ponte Butchers, com estrutura moderna e cadeados de amor eterno


2 - O Lago Bled: o lago é encantador e possui o seu brilho particular. A melhor maneira de conhecê-lo é caminhando a pé ou de bicicleta ao redor do lago, passear de barco até a ilhota e, por que não, dar um belo mergulho nas épocas de verão?!

Alguns lugares a serem visitados:

  Visitar a ilha do Lago Bled onde fica o Santuário de Assunção de Maria, construída no século XV;

  Conhecer o castelo do lago de Bled é uma visitação imperdível. Além de conhecer um pouco da história de sua construção e os eventos que nele acontecem, ainda terá uma vista sensacional de todo lago e arredores;



  Escolher um dos muitos restaurantes que ficam ao redor do lago, para saborear a comida local, desfrutando de uma paisagem hipnotizante.


3 - O Parque Nacional de Triglav: faz parte da maior reserva florestal do país, quase intocável pela mão humana. Há uma grande restrição de construção hoteleira no local. Você encontrará algumas poucas que oferecem opções de hospedagem em cabanas, além dos poucos hotéis.

Mapa ilustrando toda a cadeia de montanhas: Alpes Julianos

O Monte Triglav é o que se mais destaca pelos seus 2.864 metros de altitude e, diz a lenda, que qualquer esloveno que se preze deve, pelo menos, escalá-lo uma vez na vida.

Algumas atividades pelo lugar, como:

  Praticar atividades aquáticas no Lago Bohinj;

Lago Bohinj

  Curtir a paisagem através de inúmeros mirantes espalhados pelo parque;

  Fazer trilhas e escaladas, mas, nesse caso, recomendo que faça com um guia local ou agência de turismo que possa orientar como fazer e onde;

  Praticar zipline e arvorismo;

  Subir no teleférico Vogel para admirar do topo do monte o espetacular conjunto de montanhas que formam os Alpes Julianos;

  No inverno, por que não se arriscar nas diversas pistas de esqui que o parque oferece?

Mapa ilustrando os pontos de esqui localizado no topo do Monte Vogel.

4 - O Desfiladeiro de Vintgar: uma obra prima da natureza! Formações rochosas que dão passagem para o rio Radovna ecoar a sua força através do desfiladeiro. Você pode apreciar toda essa paisagem por uma trilha sobre passarelas de observação de madeira, percorrendo 1,6 km de desfiladeiro.

Desfiladeiro de Vintgar

Desfiladeiro de Vintgar

Desfiladeiro de Vintgar

Desfiladeiro de Vintgar

5 - As Cavernas de Postojna: majestosas cavernas percorrendo 21 km de galerias e túneis subterrâneos. Considerada a maior gruta da Eslovênia e sendo frequentada por milhares de visitantes todos os anos.

Mapa do complexo indicando a localização de cada lugar dentro dele

O complexo, onde as cavernas estão localizadas, oferece também outras opções de visitação, como:

Um folheto com sugestão das atividades que o lugar oferece

●Uma exposição sobre as cavernas de Postojna, explicando a formação e a história do desenvolvimento das cavernas;

 Uma visita ao Biotério Proteus, mostrando a adaptação de animais que sobrevivem a condições subterrâneas;

O mapeamento das cavernas

● Uma visita ao castelo de Predjama, que será mencionado no item 6 deste post;

 Um vivário de borboletas.


6 - O Castelo de Predjama: é uma construção medieval do século XVI esculpido em uma rocha sobre um penhasco de 123 metros. Todo o seu interior pode ser visitado, inclusive suas cavernas subterrâneas.

 Interior do Castelo, localizado na parte mais alta dele, após os cômodos dos nobres

Essa sugestão de passeios que fiz é ideal para quem pode se organizar para passar 1 dia nos Alpes, 1 dia para passear no Lago Bled e o desfiladeiro, 2 dias para a capital Ljubjana e mais 1 dia para Postjona e o Castelo de Predjama. 

Ou seja, se você tiver 5 dias na Eslovênia, você conseguirá ver o principal e o imperdível na minha opinião!

Espero que tenham gostado das minhas dicas e vejo vocês lá Na Mochila da Ninja

Texto e Fotos: Dani Mi 



2 comentários:

  1. Lindona, obrigada pela oportunidade! Espero que com esse resumo, seus leitores possam programar uma viagem imperdível à Eslovênia. Bjão

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Dani, sua linda! Eu que agradeço pelo carinho e por compartilhar essa sua viagem linda por um país que muito me encanta!
      Sucesso no Na Mochila da Ninja! Você vai longe!
      Beijo grande,
      Lily

      Excluir