quarta-feira, 8 de agosto de 2012

Canadá: planejando... Aluguel de Carro!! (1)



Como já divulguei nos posts anteriores, quando tratei do assunto triste que é a compra de moeda estrangeira para viajar  (triste porque estamos vivenciando uma alta do dólar!!), eu estive no Canadá, nas províncias de Ontário e Quebec, em julho, por quase 20 dias!!

Uma das coisas que tive que resolver antes de viajar foi a questão crucial do DESLOCAMENTO!!

Conversei com amigos que já estiveram nas cidades que estavam nos meus planos e li muito sobre o assunto em blogs de viagem para traçar a melhor estratégia.

Bem... meu roteiro foi o seguinte:

Chegada em Toronto, onde fiquei a primeira noite. No dia seguinte fui para Montreal, onde fiquei por 5 noites. Na sequência, fui para Quebec City, onde fiquei 4 noites. Depois, parti para Ottawa, onde fiquei apenas 1 noite. Regressei para Toronto, para ficar mais 2 noites. Em seguida, fui para Niagara Falls, onde fiquei 1 noite. Por fim, fechei a viagem em Toronto, onde fiquei as últimas 3 noites.

É claro que para fazer essa viagem, especialmente nos trechos entre Toronto - Montreal - Quebec City, eu poderia perfeitamente me deslocar viajando de  trem, cujo serviço é muito  bem conceituado por lá. Aliás, o mais comum é fazer exatamente isso entre as cidades citadas!!! O serviço é muito bem prestado, as estações de trem são centrais nas cidades, é algo seguro, as paisagens pelo caminho são lindas e deslumbrantes e é algo econômico também. 

Além disso, em Toronto, Montreal e Quebec, se você se hospedar no centro ou nas Old Cities de Montreal  e Quebec, não precisará do carro para fazer praticamente mais nada!! As principais atrações são próximas ou perfeitamente acessíveis pelo metrô. Andar de metrô em Toronto e Montreal é muito fácil!! Em Quebec, eu fiz tudo a pé mesmo!!

Então... pergunta-se: por que não optei pelo trem?? Com tantas vantagens e facilidades, qual o problema do trem?? Nenhum!!!

Então, na verdade, o problema foi que, ao começar a ler sobre os deslocamentos e as possibilidades existentes, eu acabei me encantando com o que havia para fazer na estrada... explico: no deslocamento entre as cidades havia muita coisa interessante para ser vista e feita também!!! Indo de trem, eu perderia isso... Por isso decidi alugar um carro!! (eu não sei dirigir, mas estava muito bem acompanhada de quem soubesse dirigir e encarou mais de 2mil quilômetros de estradas sem reclamar!! rsrsrs... ) 

Sim, é claro que alugar o carro e pagar o combustível, sem contar o que se gastou com estacionamentos, no total ficou mais caro... sim sim sim!!! Só que, também posso dizer que explorei bem o Canadá, nessas províncias que visitei, e consegui conhecer um pouco além das principais cidades. 

Com as devidas explicações e justificativas, cientes de que o trem é uma excelente opção também, especialmente entre Toronto-Montreal-Quebec City, para quem estiver planejando uma viagem para o Canadá e estiver com um $$ extra no bolso, digo que valeu muito muito muito muito a pena ter o carro e ficar à vontade com os horários de saída e retorno, podendo parar em cidades lindas e fofas entre as principais metrópoles.

Para vocês terem uma noção, entre Toronto e Montreal eu pude parar na histórica cidade de Kingston e conhecer um pouco da região das Mil Ilhas (Thousand Islands), onde fiz um passeio de barco. 

Entre Montreal e Quebec City, eu pude parar em Trois-Rivière, linda cidade, onde também fica o maior santuário da América do Norte dedicado a Nossa Senhora, Sanctuaire Notre-Dame-du-Cap.

Em Quebec City, com o carro, pude ir ao Canyon Ste Anne. E no mesmo caminho, conheci também a bela Basílica de Ste Anne de Beaupré, e também a deslumbrante cachoeira de Montmorency Falls. Sem o carro, ficaria praticamente inviável fazer esses passeios em um único dia, pois as excursões que vi por lá não faziam tudo em um único dia. Isso sem contar, mais uma vez, da praticidade de se organizar os seus próprios horários e ficar o tempo que quiser em cada atração turística.

Ainda, entre Quebec City e Ottawa, também pude conhecer a super aconchegante e graciosa cidade de Mont-Tremblant, famosa por ser uma estação de esqui, mas que também oferece muitas atrações no verão. Estava rolando um Festival de Blues maneiríssimo!!! (na verdade, deixo registrado que é bem melhor conhecer Mont-Tremblant de Montreal, pois a distância é mais curta!! Mas, por questões de planejamento de viagem e falta de tempo em Montreal, onde havia um monte de coisas para ver e fazer, o jeito foi conhecer Mont-Tremblant no dia de deslocamento de Quebec City para Ottawa).

Em Toronto, duas atrações turísticas também foram bastante facilitadas por termos o carro: o Toronto Zoo, bem afastado do centro, e o Ontario Science Centre. Ambas estão inseridas no cupom de descontos chamado Toronto City Pass, que é outra dica valiosíssima!! Comprar o City Pass é sinônimo de bastante economia!!

No deslocamento de Toronto para Niagara Falls, também pude apreciar a bela paisagem do Lago Ontario, observando as diversas vinícolas que beiravam a estrada que passava por Niagara-on-the-Lake, primeira capital do Upper Canadá, podendo parar para fazer uma degustação de vinhos em uma vinícola, conhecer o centrinho de Niagara-on-the-Lake e também parar na beira do Lago Ontário.

Isso sem contar a linda estrada Niagara Parkway que liga Niagara-on-the-Lake com Niagara Falls. Essa estrada vai margeando o Rio Niagara Gorge, passando pelo relógio das flores, por vários mirantes à beira do rio, entre outros atrativos na estrada.

Ahhhh... e o melhor de tudo: com o carro, pude atravessar a ponte Rainbow, em Niagara Falls, ir para o lado americano - existe uma cidade chamada Niagara Falls Canadense e outra, com mesmo nome, Americana, ambas separadas pelas Cataratas e pelo rio Niagara. 

E no lado americano, na cidade Niagara Falls, eu pude me acabar ao fazer compras maravilhosas e super econômicas no Fashion Outlets!!! Com diversas marcas e grifes internacionais e americanas maravilhosas, como Puma, Halph Lauren, Tommy Hilfiger, Saks, Guess, Michael Kors, Coach, Fossil, Gap, Levi's, Carter's, Nike, Adidas, Reebok, Lindt, Bare Minerals, Bath & Body Works, Aldo, entre outras... são aproximadamente 150 lojas!!! Um verdadeiro paraíso para consumidoras loucas como eu!!! hahahahahah... 

Sem o carro... aaaaaaaaahhhhhh... ficaria tudo muito mais complicado!!! Acho até que daria para fazer, pegando um ônibus... mas como eu tinha o carro, não me preocupei em avaliar outras opções!! E SUPER RECOMENDO A QUEM FOR QUE VÁ DE CARRO!! Nem que alugue em Toronto só para isso, ou em Niagara Falls mesmo... mas vá de carro, principalmente pelo fato de ter que atravessar a fronteira e ser parado duas vezes por oficiais do lado americano e lado canadense, para fins regulatórios.

Bem... sendo assim, acho que já convenci todo mundo que ter o carro, para quem pode gastar um pouco mais, é muito legal!! 

Mas... como alugar o carro?? Vejam as dicas no próximo post!! =))


16 comentários:

  1. Também gosto de viajar de carro porque podemos conhecer outras paisagens e terras que de outra maneira perderíamos. Acho o aluguer de carros
    uma opção muito boa para quando se faz uma viagem e se quer conhecer ao pormenor.

    ResponderExcluir
  2. Legal, Alves!! Obrigada pela dica!! Estive em Portugal em 2005 e tenho forte desejo de retornar em breve. Alugar um carro para conhecer o país de ponta a ponta (que não é muito grande) é, sem dúvidas, a melhor opção!! Beijos e boas viagens!!

    ResponderExcluir
  3. Ah, Lili, o seu post valeu cada letra! Foram dicas originais de quem viaja mesmo e não de quem viaja pra economizar, rs...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Valeu!! Que bom que gostou e tomara que seja útil!! De fato, como gosto de me planejar com alguma antecedência, busco sempre fazer minhas economias antes de viajar para ficar tranquila e curtir a viagem da melhor maneira possível. Troco o hotel 6 estrelas por comprinhas e bons restaurantes... kkkkkk... (How I wish!!). Bjs

      Excluir
  4. Parabéns pelo post!. Estou chegando em Montreal no dia 27/06 e volto a partir de Toronto dia 13/07. Vou alugar carro! E suas dicas vão ser bastante úteis. Obrigado. Só uma dúvida, comecei a procurar carros para alugar, mas a taxa que estão cobrando para pegar o carro em Montreal e devolver em Toronto está muito alta. Sabes de alguma alternativa que não cobre esta taxa? Nos EUA e Europa já viajei sem pagar ou pagando bem pouco.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ticiano!
      Desculpe-me pela demora em responder. Não tinha visto sua mensagem aqui. Então, nós pegamos o carro em Toronto e devolvemos em Toronto mesmo. Isso, infelizmente, às vezes acontece mesmo. Ano passado, na Grécia, tivemos esse mesmo problema e a taxa era tão alta que desistimos de alugar carro e compramos passagem aérea. Então varia mesmo de país para país. Ou você busca uma outra forma de deslocamento, como trem ou ônibus ou avião...
      Como você já viaja em breve, não sei mais se te ajudo. Mas gostaria de saber o que você resolveu.
      Boa sorte e boa viagem!
      Abraços,
      Lily

      Excluir
  5. Lili boa tarde,acabo de conhecer o seu blog e já estou fã,parabéns!Como foi para estacionar,fácil?Estacionamento ou parquímetro?E como eram os valores?
    Estou indo no final de Novembro deste ano.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Juliana!
      Tudo bom? Muito obrigada! Fico feliz por ter gostado! Fazemos tudo aqui com muito carinho!
      Com relação aos estacionamentos, depende do lugar, viu? Sentimos um pouco de dificuldade somente em Quebec City porque não havia estacionamento no hotel. Mas descobrimos um público (que é pago) por lá e foi bem prático. Em Toronto havia estacionamento no hotel, assim como Ottawa... em Montreal não havia no hotel mas tinha um bem ao lado e fácil. Em relação aos valores, puxa... faz 4 anos rsrs... mesmo que eu me lembre, pode ser que os valores não sejam mais esses. Os estacionamentos incluídos no hotel, já vinha o valor na diária. Os de rua, eram com parquímetro ou máquina parecida onde você paga adiantado o valor e diz quantas horas ou dias o carro ficará lá. Baratinho não é por causa da conversão. Mas compensava par termos o carro e a liberdade de conhecer as cidades que queríamos visitar. Como você vai final de novembro, só precisa ter cuidado com a questão da neve, viu? Já terá muita neve nessa época.

      Espero ter ajudado.
      Beijos,
      Lily

      Excluir
  6. Oiê...iremos p o Canadá em julho e estávamos com essa dúvida: alugar carro ou não? Obrigada pelas dicas!!!
    Comprei também o Citypass Toronto, mas não inclui Niagara....onde vc recomenda comprar?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Beth,
      tudo bom?
      Que legal! Nós amamos o Canadá e o mês de julho é ótimo.
      Nós alugamos carro e não nos arrependemos.
      Sobre o City Pass, é isso mesmo, não inclui Niagara Falls.
      Veja aqui nosso Post Índice com tudo sobre o Canadá. Nele você clique em Niagara Falls para ler sobre a cidade e onde compramos os bilhetes.
      http://www.blogapaixonadosporviagens.com.br/2015/12/canada-toronto-montreal-quebec-city.html

      Espero que ajude!
      Beijos,
      Lily

      Excluir
  7. Olá, adorei as dicas!

    Tenho umas dúvidas: como foi passar pela fronteira com os EUA? Estou indo com meu marido e queremos fazer algumas compras no outlet, mas vi em outro site que a cota para compras de carro é só 200 dólares para 24h. Não que a gente vá comprar muito, afinal o dólar não ajuda, mas acho que passa um pouco disso.

    Obrigada pela ajuda!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Raquel,
      tudo bom?
      Conosco foi muito tranquilo! Olha, faz tempo que não acompanho essa questão da cota entre EUA e Canadá, mas, quando eu fui, eu perguntei a dois oficiais logo que cheguei no Canadá e a resposta dos dois foi igual: A cota só é válida para quem mora no Canadá! A quantidade de $$ que você vai gastar nos EUA só importa para quando você entrar no Brasil. Ou seja, o seu problema em relação à cota é com o Brasil e não com o Canadá ou EUA. Os EUA querem mais é que você compre muito e o Canadá não vai se importar com isso desde que você comprove que é turista e voltará para o Brasil. Eu acredito que não tenham mudado isso, pois não faria sentido. Mas a dica que lhe dou é que você, quando chegar lá, pergunte de forma muito clara, explicando que você é turista e que tudo que você for comprar você vai levar para o Brasil e não vai deixar nada no Canadá (não é presente para ninguém, por exemplo) e veja o que os oficiais vão te falar. Mas eu acredito que a resposta seja a mesma. Nós atravessamos a Rainbow Bridge já super tarde de volta para Niagara, perto da meia noite, e o oficial canadense até brincou com a gente. Pediu passaportes e mandou seguir viagem. Ele nem perguntou o que nós fizemos nos EUA. =)
      Beijinhos e boa sorte!
      Aproveite muito o Canadá

      Excluir
  8. Ola,

    Estarei em Toronto fazendo um intercambio em julho e gostaria de tirar 4 dias para conhecer estas cidades.

    Vc gastou mais ou menos quanto entre gasolina e aluguel de carro?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, tudo bom?
      Que legal! Será uma experiência incrível!
      Bem... 4 dias passam rápido rsrs... terá que priorizar os passeios para otimizar seu tempo.
      Sobre os valores gastos, as informações estão neste post aqui --> http://www.blogapaixonadosporviagens.com.br/2012/08/canada-planejando-aluguel-de-carro-2.html

      Qualquer dúvida, estamos às ordens!

      Abraços,
      Lily

      Excluir
  9. boa noite. é facil estacionamento nas cidades?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá, tudo bom?
      É fácil sim... muitos hotéis tem estacionamento (mas aí precisa verificar se está incluído na diária ou se é cobrado à parte, pois a maioria cobra à parte)... e há também estacionamentos públicos, com cobrança em máquinas... sempre fique atento se há algum tipo de cobrança e pergunte para tirar dúvida se achar que pode ter e você é que não está encontrando, tá?
      Espero ter ajudado
      Abraços

      Excluir