segunda-feira, 29 de outubro de 2012

Ottawa: Comidinhas...

Voltando para o CANADÁ... ou vocês acham que eu terminei de escrever sobre a viagem?? Nada disso!!! Fiz apenas uma "pequena" pausa... rsrsrs... mas gora eu juro que termino de escrever tudinho tim tim por tim tim da viagem, ok??

Como já contei aqui, minha passagem por OTTAWA foi no melhor estilo The Flash!! Vapt-Vupt!!! Sendo assim, minha prioridade não era comer, né?? hehehehe... aliás, comer foi o que eu menos fiz!!! Improvisei muito nesse quesito para tentar fazer um aproveitamento máximo da minha estada na capital canadense e apreciar suas principais atrações turísticas. Confesso que foi bem bom poder voltar a falar e ler tudo em inglês... hehehehe...

Relembrando um pouquinho... eu fui de Quebec City para Ottawa, fazendo uma pausa de poucas horas em Mont Tremblant. Lá em Mont Tremblant, eu fiz um lanchinho (comprado em posto de gasolina... diga-se de passagem, a maioria das lojinhas dos postos de gasolina surpreenderam-me com a quantidade e variedade lanchinhos e pequenas refeições que ofereciam!! No aperto ou na correria, eu super recomendo parar em posto de gasolina para comer algo).

Chegando em Ottawa, após muuuuuuuuuuitas horas de viagem (o GPS acabou levando pelo caminho mais longo de Mont Tremblant para Ottawa), não havia muito tempo para procurar comida, considerando que eu tinha correr para ver um pouco do museu - National Gallery - que fechava às 20:00, com entrada franca nas salas de exposição permanente.

Ufa... e deu tempo!! É claro que depois disso eu acabei me empolgando e já não lembrava de comer... fome?? hein?? O que é isso?? rsrsrs...

Estão lembrados que eu fui em pleno verão, em julho de 2012, e o anoitecer só começava lá para às 21:30. Ou seja, eu ainda tinha um tempinho para andar um pouco pelas redondezas, tirar minhas fotografias, antes de escurecer!! Obaaaa!! era tudo o que eu queria!!

Segui andando pela Mackenzie Ave, passando pela Embaixada dos EUA. Depois dei umas voltas pelo Major's Hill Park, de onde eu vi um lindo pôr do sol, avistando o Parlamento, a Ponte Alexandra, o Canal Rideau, o Rio Ottawa (que separa a capital da cidade quebequense Gatineau - esse rio, na verdade, separa as províncias de Quebec e Ontario), o Fairmont Château Laurier Hotel... e por aí foi...

Quando finalmente me deparei com o Parlamento (lindo conjunto arquitetônico!!), descobri que haveria um show de luzes e sons (tinha ocorrido há pouco tempo o Canada's Day e, em função disso, havia algumas comemorações pela data), que começaria às 22:30, percebi que não daria tempo de procurar um restaurante para comer porque seria arriscado perder o tal show... eu  me rendi e enfiei pé na jaca no cachorro-quente!!! (de novo, porque em Montreal eu fiz igual!!)

E foi hot dog de trailler mesmo, bem estilo "podrão" (que os cariocas conhecem bem). Bem pertinho do Parlamento, foi uma solução estratégica e providencial!! hahahaha...

Inclusive, o cachorro-quente no Canadá é tão tradicional quanto nos EUA. Você pode escolher o tipo de linguiça/salsicha e depois serve-se com os recheios e molhos e temperos de que mais gostar e à vontade. Experimente o sauerkraut (repolho cortado bem fininho e curtido) e o molho relish!! Com mostarda, ketchup e maiosese, além de picles, pimenta - e outros - a experiência fica completa!!

Se você não for fã de comidas extremamente picantes, não peça a linguiça apimentada/italian!! É sinistramente apimentada... pega fogo!!! rsrs...

Preço em torno de 4CAD.

Perto do Parlamento, eu vi algumas opções de restaurantes e mais pubs. Havia até uma festa rolando por ali, promovida por algum país Latino (não consegui identificar a bandeira), com muita salsa, merengue, pessoas dançando bastante alegres... bem bacana de ver!! Só que parecia festa fechada, embora fosse na rua. Acho que era na Queen Street... mas também poderia ser na Sparks Street... uma ou outra!! Essas duas ruas, próximas ao Parlamento, oferecem lugares para comidinhas.





Voltando do show de luzes e sons do Parlamento, reparei nos diversos pubs da William Street, muito próximo ao Byward Market. Ali você encontra uma série de restaurantes, pizzarias e pubs, como esse da foto, o Highlander Pub.



No dia dia seguinte, mais uma vez a correria falou mais alto... eu tinha apenas um dia em parte para percorrer o Byward Market e visitar o Museu da Civilização. 

Já que o Byward Market é praticamente uma atração turística em Ottawa, aproveitei para fazer a feira!!! Sim, sim! Meu café da manhã foi frutas!! 

Com tantas barraquinhas vendendo frutas fresquinhas, lindas, maravilhosas, como eu raramente vejo no Rio de Janeiro, não havia motivos para resistir... adorei!! Framboesas, morangos e vários tipos de berry (eu sempre confundo os nomes dessas frutas ... é berry de tudo!! rsrsrs...) ... Delicioso e saudável!! Além de ser bem mais em conta do que tomar um café no Second Cup (que seria a minha segunda opção) ou caçar um Starbucks. Cada pacotinho de frutas custava em torno de 2 a 5CAD (a depender da fruta).










Nos arredores do Byward Market há vários restaurantes, bares, pubs, pizzarias, lanchonetes... você não passa fome andando por ali!!

Praticamente em frente, havia um Hard Rock Café, outra ótima pedida para lanches e refeições.



Ainda nos arredores do Byward Market, uma galeria com restaurantes e diversas lojas, mini mercados, delicatessens, muitas lojas especializadas em queijos (eu amooooo!!!) ... OS QUEIJOS DA REGIÃO DE QUEBEC SÃO MUITO FAMOSOS!!! Porém, para quem já foi a França e conhece os preços dos queijos de lá (por exemplo, a marca Président, que aqui é mais cara, em Paris é super barato), pois bem, eu achei os queijos meio carinhos no Canadá e nesse aspecto eu me decepcionei um pouco porque, já que são tão famosos, já que o país, especialmente a região de Quebec, sofreu tanta influência da França, eu esperava que os queijos, além de maravilhosos e saborosos, fossem mais acessíveis. 







Vejam aí as frutas!!! Maravilhosas, não??? Saborosas, fresquinhas... com o calor dos infernos que fazia em Ottawa, essa é uma ótima opção para um café da manhã, além de aproveitar para passear e explorar mais o Byward Market.





Dentro do galpão principal do Byward Market, havia algumas lojas de souvenirs, especiarias, de produtos feitos a partir da Maple, além de lanchonetes e essa aí embaixo, a Rocky Mountain, uma chocolateria muito boa!!

Não deixe de entrar na Rocky Mountain se passar por alguma de suas lojas. É possível ver o caldeirão com chocolate sendo feito na hora!! E o cheiro?? Hummmmm... a loja fica impregnada de cheirinho de chocolate... Dá vontade de comprar tudo!!

Não resisti, é claro, e comprei algumas trufas para provar e o famoso fudge. O fudge é um doce que me explicaram ser muito tradicional e famoso no Canadá. Comprei o comum. Achei muito bom, porém, ele é doce demais (isso vindo de uma chocólatra e amante de coisas doces é surpreendente, até para mim!!). Comi o fudge em etapas. 








Como disse acima, no interior do Byward Market, no galpão principal, há algumas interessantes lanchonetes e lojinhas. Acabei aproveitando a paradinha na Rocky Mountain para fazer uma refeição mais leve: saladas e quiche!! 





Vejam aí embaixo a William Street de dia!! A rua com pubs e restaurantes, de dia fica bem bonita também. 



Loja bem grandinha do café Second Cup que ficava super perto do hotel Days Inn em que fiquei hospedada em Ottawa. Na minha diária do hotel não tinha café da manhã incluído. Se eu não tivesse ido direto para o Byward Market e não tivesse me deliciado com tantas frutinhas, certamente teria tomado café no Second Cup.

Dentro do Museu da Civilização, em Gatineau, também tem um café do Second Cup e pude provar algumas bebidas geladas, tipo frozen, com muffins... tudo muito gostoso também!!!






Resumindo minha experiência gastronômica em Ottawa: hot dog + Byward Market!!!! Para uma passagem relâmpago pela cidade, valeu muito a pena!!!

Nenhum comentário:

Postar um comentário